Agroalimentar

Vindima no Douro arranca mais cedo para “salvar” uva da seca e do calor

A vindima começou mais cedo no Douro para “salvar” a uva da seca e do calor e, pelos valados de uma quinta, em Alijó, cruzam-se vindimadores portugueses, timorenses e ucranianos, que minimizam a falta de mão-de-obra.

“Os insetos não são um risco nem uma ameaça, mas sim um benefício”, salienta CEO da Entogreen

Na Entogreen, empresa da área biotecnológica, os insetos são usados na indústria agroalimentar para evitar ou atenuar perdas económicas para as empresas. “Não inventámos nada, apenas adaptámos o que acontece na natureza”, diz ao JE o fundador e CEO, Daniel Murta. Assista à conversa nesta “Fast Talk” conduzida pelo jornalista João Santos Costa.

“A inovação é um processo colaborativo na maior parte dos seus casos”

João Borga, Administrador da Agência Nacional de Inovação, sublinha a importância de inovar para fazer frente a um mercado cada vez mais competitivo. Neste episódio, descubra também como pode inovar.

Ministra não prevê falta de alimentos provocada pela seca ou pela guerra

“Criámos, com toda a cadeia alimentar, desde a produção até ao retalho, grupos de acompanhamento para que não haja quebra”, apontou a ministra da Agricultura e Alimentação, Maria do Céu Antunes.

“Uma organização certificada demonstra ao mercado que fornece produtos seguros”

Gabriela Pinheiro, Unit Leader da UN Agrifood da Associação Portuguesa de Certificação, coloca em cima da mesa a importância da certificação para as organizações que querem demonstrar ao mercado que têm um sistema capaz de fornecer produtos seguros.

“Os consumidores estão muito mais preocupados com aquilo que comem mas mais sensíveis às modas”

Paula Bico, Diretora do de Serviço de Nutrição e Alimentação da DGAV, alerta sobre a necessidade de mais informação para permitir aos consumidores fazer escolhas informadas.
Ver mais artigos