Especial crise dos professores

António Costa não vai mexer no dossiê dos professores: “É um assunto bem encerrado”

O primeiro-ministro e fontes próximas do mesmo indicaram ao “Expresso” que a reestruturação da carreira docente está fora do programa do PS para as próximas legislativas.

António Costa diz que chumbo da contagem total do tempo dos professores foi “uma vitória da responsabilidade”

O primeiro-ministro considera que o resultado da votação em plenário esta sexta-feira é “clarificador” e respeita o princípio da equidade, equilibrando as contas públicas e mantendo a credibilidade internacional.

Mário Nogueira agradece a António Costa a decisão de continuar à frente da Fenprof

“O PS, o Governo e António Costa ajudaram-me a tomar uma decisão. Irei ser secretário-geral da Fenprof se o congresso assim decidir em 15 de junho, porque o Governo, o PS e António Costa merecem que a luta continue e eu estou disponível para a liderar”, disse hoje o secretário-geral da Fenprof.

PS nega mal-estar na geringonça e diz que é preciso compatibilizar contas públicas com dimensão social

O líder da bancada parlamentar e presidente do PS, Carlos César, afirma que a prioridade do Governo é compatibilizar o equilíbrio das contas públicas com dimensão social, tal como tem vindo a dizer aos partidos que sustentam o PS no Parlamento. 

Chumbo do descongelamento integral das carreiras: Professores ameaçam com greve

Mário Nogueira considera que os outros partidos “não estão a ter a maleabilidade suficiente para perceberem que, sem abdicarem dos seus partidos, poderiam fazer o esforço para fazer prevalecer” o que os professores consideram essencial. 

Crise dos professores: Será que Presidente Marcelo vai quebrar longo silêncio depois da votação?

Desde o início do mês de maio que Marcelo Rebelo de Sousa não tem agenda pública. Este é o período mais longo de silêncio do presidente da República, que continua sem comentar a crise política que se gerou por causa da recuperação do tempo de serviço dos professores.

Parlamento vota hoje texto final sobre recuperação do tempo de serviço dos professores

A expectativa é de que a contagem integral dos nove anos, quatro meses e dois dias seja chumbada, depois de o PSD e o CDS-PP terem recuado e admitido que só aprovariam a medida se houvesse “sustentabilidade orçamental”. 

Catarina Martins critica “armadilha da direita” e mudanças de opinião sobre professores 

“É absolutamente insano e eu acho que diminui a democracia que toda a gente ande a mudar de opinião. O PS pensava uma coisa agora pensa outra, a direita pensava uma coisa agora pensa outra. Os próprios sindicatos já pensaram uma coisa e agora pensam outra, não pode ser, não é assim”, criticou a dirigente bloquista.

Professores: Rui Rio garante chumbo do PSD a descongelamento de carreiras se originarem “desequilíbrios orçamentais”

Sobre a crise política que teve início depois da aprovação do descongelamento de carreiras na especialidade, Rui Rio apontou que a “crise política foi feita pelo primeiro-ministro, não foi feita por nós”.
Ver mais artigos