O Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa discursou, este sábado, durante as celebrações do 10 de junho no Peso da Régua, numa ocasião onde disse que todos os dias fazemos Portugal.

“Portugueses, todos os dias sabemos que por entre alegrias e tristezas estamos a fazer Portugal. Todos os 10 de junho, cada qual diverso dos outros, evocamos passados de quase 900 anos, ganhamos redobradas forças para os presentes e sonhamos novos futuros”, referiu Marcelo.

Segundo o chefe de Estado “este 10 de junho é muito diferente dos últimos, é celebrado em Peso da Régua, cidade do interior que nunca foi capital de distrito, nem cabeça de diocese”.

O Presidente da República aproveitou o discurso para enaltecer o vinho do Douro. “É o retrato de Portugal que queremos, aquilo que nos une aos 19 conselhos no Douro é o vinho, o vinho do Douro que lembra a nossa aliança com os britânicos que daqui a cinco dias reunirá o rei acabado de coroar”, sublinhou.

“Não que  vinho do Douro tivesse só esse passado, mas porque a caminho de 3 séculos selou um passo decisivo na vida dessa aliança e porque projetou Portugal no mundo, continua a projetar num momento em que o crescimento e justiça social que ambicionamos se fazem de investimento”, destacou Marcelo.

“Só somos verdadeiramente portugueses na medida em que sempre fomos e somos universais, sempre disponíveis para a solidariedade em relação aos outros”, disse ainda o Presidente da República.