“Turismo Sustentável, Hotelaria e Mobilidade”. Veja a conferência do JE esta terça-feira a partir das 15h00

Nesta conferência, vamos analisar as mudanças que a agenda da sustentabilidade impõe ao sector, como este responde a desafios como a descarbonização, a mobilidade elétrica e a economia circular e quais são as perspetivas futuras de desenvolvimento.

A conferência “Turismo Sustentável, Hotelaria e Mobilidade”, que o Jornal Económico promove juntamente com a Schneider Electric Portugal, será transmitida esta terça-feira, 21 de dezembro, a partir das 15h00, através da plataforma multimédia JE TV, do site e das redes sociais do JE.

Nesta conferência, vamos analisar as mudanças que a agenda da sustentabilidade impõe ao sector, como este responde a desafios como a descarbonização, a mobilidade elétrica e a economia circular e quais são as perspetivas futuras de desenvolvimento.

Nos últimos anos, a sustentabilidade tornou-se um fator essencial no desenvolvimento da generalidade das atividades, incluindo o turismo, num quadro de emergência climática e de pandemia de Covid-19, que funcionou como uma aceleradora de tendências. Os quadros normativos mais exigentes e a fixação de objetivos ambiciosos de descarbonização, especialmente na União Europeia, condicionam a oferta, mas também a procura se tem alterado e afirmado como uma força impulsionadora de mudança no sector, no sentido de um futuro mais sustentável.

Este é o ponto de partida para a conferência sobre “Turismo Sustentável, Hotelaria e Mobilidade”, que o Jornal Económico promove juntamente com a Schneider Electric Portugal e que contará com as participações de Ricardo Campos, diretor de Operações do Grupo Visabeira; João Carlos Silva, diretor de Manutenção da Vip Hotels; Pedro Serra, diretor de Operações de Hotelaria do The Editory Collection Hotels; João Catarino, do Vila Galé Hotéis; e Victor Moure, country manager da Schneider Electric Portugal.

Recomendadas

TAP: Sindicato fala em adesão total à greve de tripulantes até às 08:30

“O balanço é prematuro, uma operação da TAP inicia-se por volta das 05:30 da manhã, o que sabemos até à data é que nenhum voo saiu sem ser serviços mínimos ou Portugália, portanto até agora a adesão é total”, disse à Lusa o presidente do SNPVAC, Ricardo Penarroias, no aeroporto de Lisboa, cuja operação, às primeiras horas da manhã, funcionava dentro da normalidade.

EDP Renováveis vai construir eólicas offshore com 2 gigas na Califórnia

A Ocean Winds – um consórcio da EDP Renováveis e da francesa Engie – e o Canada Pension Plan Investment Board vão desenvolver um projeto eólico offshore ao largo da costa central da Califórnia, comunicou esta manhã a EDP à CMVM. Em causa está uma licença com direitos de gestão de 32,5 mil hectares naquela área.

EDP conclui venda da central hidroeléctrica de Mascarenhas no Brasil

Com esta transação, a EDP reduz o peso da geração convencional e, nomeadamente, da exposição hídrica no Brasil, em linha com o plano estratégico 2021-2025 apresentado ao mercado em fevereiro de 2021.
Comentários