“70 Cavaquinhos 70 Artistas”

A partir desta sexta-feira é possível visitar no Mosteiro do Jerónimos, em Lisboa, a exposição “70 Cavaquinhos 70 Artistas”, que reúne sete dezenas de cavaquinhos intervencionados por outros tantos jovens artistas plásticos. O desafio foi lançado pela Associação Cultural & Museu Cavaquinho a artistas de todo o país, que olharam para o cavaquinho como um […]

A partir desta sexta-feira é possível visitar no Mosteiro do Jerónimos, em Lisboa, a exposição “70 Cavaquinhos 70 Artistas”, que reúne sete dezenas de cavaquinhos intervencionados por outros tantos jovens artistas plásticos. O desafio foi lançado pela Associação Cultural & Museu Cavaquinho a artistas de todo o país, que olharam para o cavaquinho como um suporte onde puderam intervir livremente. André Letria, Graça Bordalo Pinheiro, Margarida Cardoso, Rui Lacas ou Susana Chasse são alguns dos nomes que deram novas cores ao instrumento tradicional. A mostra segue depois caminho para mais nove municípios ligados à prática do cavaquinho: Braga, Coimbra, Funchal, Guimarães, Horta, Porto, S. Roque do Pico, Viana do Castelo e Vila Franca do Campo.
Data: 28 de novembro a 11 de janeiro de 2015

Recomendadas

Médicos dão prazo de duas semanas para Ministério da Saúde marcar reunião

“Já fizemos seguir o pedido de reunião ao senhor ministro [da Saúde, Manuel Pizarro] e solicitámos que essa reunião se desenvolva com a celeridade que deve e estabelecemos um limite para nas próximas duas semanas sermos convocados para essa reunião”, adiantou Noel Carrilho.

Número de trabalhadores em layoff clássico cai 6% em agosto

Os empregadores recorreram menos ao layoff clássico em agosto do que no mês anterior. Caiu 6% o número de trabalhadores abrangidos.

Teixeira dos Santos defende que aumentar pensões e Função Pública não alimentaria inflação

Em entrevista ao Público, o ex-ministro das Finanças Fernando Teixeira dos Santos não só não acredita que aumentar as pensões e os salários da Função Pública alimentaria a espiral inflacionista, como atira que o Governo tem de esclarecer melhor o argumento utilizado pelo Governo para limitar as atualizações regulares a que os pensionistas teriam direito.