A partir de janeiro fatura da água terá informação sobre litros consumidos

As quatro empresas do grupo Águas de Portugal vão disponibilizar, a partir do próximo mês de janeiro, faturas com informação detalhada sobre os litros consumidos, com o objetivo de consciencializar os clientes para um uso responsável.

As quatro empresas do grupo Águas de Portugal vão disponibilizar, a partir do próximo mês de janeiro, faturas com informação detalhada sobre os litros consumidos, com o objetivo de consciencializar os clientes para um uso responsável.

Em comunicado divulgado esta quinta-feira, o grupo informa que a indicação dos litros consumidos estará disponível nas faturas da Empresa Pública de Águas Livres (EPAL), Águas do Norte, Águas da Região de Aveiro e Águas de Santo André.

Esta alteração “não terá qualquer impacto no valor da fatura”, garante a Águas de Portugal. Segundo o grupo, a informação será “mais fácil de entender”, podendo o cliente verificar regularmente se o consumo de litros de água em casa está a aumentar ou a diminuir.

“Esta nova forma de apresentar os valores em litros pretende tornar mais claro para o consumidor qual foi o seu consumo, de modo a que tenha assim uma consciência mais precisa de quanto pode poupar e, desta forma, contribuir para um uso responsável deste bem cada vez mais precioso”, lê-se no comunicado.

O número de litros consumidos irá aparecer na fatura do cliente depois da leitura calendarizada pelas empresas ou da leitura dada pelo consumidor. Em paralelo, as empresas vão ainda lançar uma campanha de informação e sensibilização para “promover a poupança do consumo da água”.

Relacionadas

Como melhorar a eficiência hídrica em casa

Com a adoção de medidas de eficiência hídrica, incluindo a utilização de equipamentos e dispositivos mais eficientes e tecnologias inovadoras, em substituição dos sistemas e equipamentos convencionais, é possível reduzir 30% a 45% o consumo de água em casa e nos edifícios.

Portugueses consomem menos devido a impostos elevados

Portugal é o país europeu onde existe maior preocupação em como pagar as prendas de natal. Durante os últimos seis meses, os portugueses pediram em média empréstimos de 2,239 euros para pagar contas.

Alimentação. Aprender a comer na era digital

A tecnologia, a automação, a inteligência artificial, a digitalização, a internet das coisas e a realidade aumentada estão a mudar as nossas vidas e vão intensificar o ritmo de interferência nas nossas existências nos próximos anos.
Recomendadas

Portugal e Espanha terão de continuar a ter “exceção ibérica” no preço do gás

O primeiro-ministro disse que tem de continuar a haver uma “exceção ibérica” para os preços do gás mesmo que seja criado um novo mecanismo europeu, porque Portugal e Espanha continuam a ser “uma ilha” energética.

Costa contraria ideia de empobrecimento e afirma que Portugal está a crescer mais do que Alemanha, França e Espanha

Dados de Costa surgem dias depois das previsões de Outono da Comissão Europeia, cujas mais recentes previsões indicam que em 2024 a Roménia ultrapassará Portugal no ranking de desenvolvimento económico da UE.

PremiumOCDE deixa quatro recados a Portugal, do PRR ao orçamento

A OCDE está menos otimista do que estava no verão quanto à evolução da economia portuguesa no próximo ano, tendo revisto em baixa a previsão de crescimento do PIB. Aproveitou também para alertar para a importância do PRR e da consolidação orçamental.
Comentários