À procura de emprego? Beevo vai contratar 30 profissionais qualificados em tecnologia

A empresa tecnológica de Braga pretende recrutar gestores de projetos, designers, engenheiros Web, especialistas em SEO/SEM e “pensadores digitais”.

A startup portuguesa Beevo, que desenvolveu uma plataforma de comércio eletrónico (e-commerce) para marcas, distribuidores e comerciantes, vai iniciar um processo de recrutamento de talentos altamente qualificados, que se prolongará até 2023. No total existem 30 vagas de emprego para profissionais do sector tecnológico.

A empresa de Braga está à procura de gestores de projetos, designers, engenheiros Web, especialistas em SEO/SEM, “pensadores digitais capazes de ajudar a transformar a indústria e a digitalizar o sector empresarial português”, de acordo com a informação transmitida esta quarta-feira aos meios de comunicação social.

Fundada em 2015, a Beevo tem atualmente mais de 40 colaboradores. As contratações devem-se à necessidade de expansão, nomeadamente da faturação, que a tecnológica prevê atingir os 1,2 milhões de euros no final de 2022.

Os futuros colaboradores da Beevo poderão trabalhar a partir de casa, do escritório ou ter um regime híbrido de trabalho. “A pandemia veio democratizar ainda mais o teletrabalho e a esmagadora maioria dos profissionais ligados às várias áreas das TI [tecnologias da informação] podem desenvolver a sua atividade a partir de qualquer locar, permitindo às empresas estrangeiras apresentarem propostas praticamente imbatíveis aos talentos nacionais”, afirma o CEO

Ainda assim, Rui Cruz confessa ainda que “está cada vez mais difícil recrutar recursos qualificados em Portugal: 95% dos engenheiros web que saem das universidades portuguesas não ficam a trabalhar para empresas de cá”.

Recomendadas

A partir de janeiro é necessário reservar e pagar taxa para entrar em Veneza

A partir de 16 de janeiro de 2023 será obrigatório reservar a entrada e pagar taxa na cidade italiana de Veneza, que se tornará a primeira do mundo a adotar este sistema para controlar o turismo de massas, anunciou hoje a Câmara Municipal.

Transportes rodoviários com mais descontos na Lezíria do Tejo a partir de hoje

Os passes municipais e intermunicipais passam a beneficiar de um desconto de 50%, bem como o passe inter-regional Lezíria do Tejo/Alentejo Central e o passe Inter-regional Lezíria do Tejo/Área Metropolitana de Lisboa.

“Aqueles que podem gastar são bem-vindos”. Butão reabre ao turismo em setembro

Os turistas terão de pagar uma “taxa de desenvolvimento sustentável” de 200 dólares por turista por noite para compensar o impacto carbónico dos visitantes, segundo as autoridades. Em comparação, nos últimos 30 anos a taxa ficava-se nos 65 dólares/noite.
Comentários