Abordagem da Fed para controlar inflação anima Wall Street no fim da sessão

A bolsa de Nova Iorque fechou a sessão desta terça-feira, 31 de janeiro, com um sentimento positivo devido à abordagem da Reserva Federal (Fed) para controlar a inflação um dia antes da decisão política do banco central norte-americano. No início da sessão, o S&P 500 cresceu 1,46%, para 4,076.26 pontos, o tecnológico Nasdaq valorizou 1,67%, […]

Brendan McDermid / Reuters

A bolsa de Nova Iorque fechou a sessão desta terça-feira, 31 de janeiro, com um sentimento positivo devido à abordagem da Reserva Federal (Fed) para controlar a inflação um dia antes da decisão política do banco central norte-americano.

No início da sessão, o S&P 500 cresceu 1,46%, para 4,076.26 pontos, o tecnológico Nasdaq valorizou 1,67%, para 11,584.55 pontos, e o industrial Dow Jones subiu 1,10%, para 34,086.89 pontos.

O banco central dos EUA deve aumentar na quarta-feira a taxa de fundos da Fed em 25 pontos-base (p.b), após um 2022 em que a Fed aumentou agressivamente as taxas para controlar o aumento constante da inflação.

Além da decisão da Fed sobre as taxas de juro na quarta-feira, a conferência de imprensa do presidente Jerome Powell será analisada para saber se o ciclo de aumento das taxas pode estar perto do fim e quanto tempo as taxas podem permanecer elevadas.

Recomendadas

PremiumAngola prepara-se para queda do petróleo após 2030

A transição energética deve diminuir o apetite global por petróleo, embora menos do que projetado, preveem analistas ouvidos pelo JE. Conversão para gás é um rumo, mas aposta nas renováveis e no agroalimentar é para aprofundar.

PremiumDepois da tempestade, vem a bonança

Fed mais hawkish não assusta investidores, à medida que os mercados superam a crise bancária.

Bolsa de Cabo Verde já colocou este ano 12,6 milhões euros em emissões

A Bolsa de Valores de Cabo Verde já emitiu em quase 25 anos de atividade quatro emissões bolsistas de municípios, as primeiras das quais em 2010, referentes à Praia e ao Sal.
Comentários