Acidente ferroviário em Madrid provoca 45 feridos

Um acidente ferroviário ocorrido hoje na estação de Alcalá de Henares, em Madrid, provocou 45 feridos, quatro dos quais em estado grave, noticiou a agência EFE.

Citando fontes dos serviços de emergência, a EFE adiantou que o acidente ocorreu quando um comboio, de dois pisos, que circulava com pouca velocidade e no final da ligação entre Guadalajara-Alcalá de Henares- Atocha, colidiu com a plataforma que sinaliza o término da linha.

Os serviços de emergência acrescentaram que a maior parte das vítimas sofreu ferimentos ligeiros e apresentam sinais de ansiedade provocados pelo acidente.

O acidente, que ocorreu às 15:35 (14:35 em Lisboa), não afetou outras ligações ferroviárias por ter ocorrido numa zona isolada da estação, segundo a empresa de transportes ferroviários Renfe.

O comboio estava ao serviço da Cercanías Madrid, explorado pela empresa Renfe Operadora que liga a cidade de Madrid à sua área metropolitana e às principais povoações da Comunidade de Madrid.

Ao local do acidente acorreram quatro corporações de bombeiros e dos serviços de emergência médica.

Recomendadas

Topo da Agenda: o que não pode perder nos mercados e na economia esta semana

A semana arranca com os mercados a reagir à vitória do partido extrema-direita liderado por Giorgia Meloni em Itália. Esta segunda-feira, Christine Lagarde fala no Parlamento Europeu e, por cá, o Instituto Nacional de Estatística divulga as tábuas da mortalidade em Portugal, referentes ao período pandémico. Conheça a agenda da semana.

Cheque-família começa a ser pago a partir de 20 de outubro, anuncia Marques Mendes

No seu espaço habitual de comentário ao domingo no Jornal da Noite da Sic, Marques Mendes assegurou que este apoio, anunciado pelo Governo a 5 de setembro, vai começar a chegar às contas bancárias das famílias a partir do dia 20 do próximo mês.

Comissão Europeia diz que Portugal é “moderadamente inovador”

O país encontra-se no grupo dos países moderadamente inovadores, passando da 19ª para a 17ª posição entre os 27 Estados-Membros, segundo os dados da Comissão Europeia tornados públicos pela ANI (Agência Nacional de Inovação).
Comentários