Afonso Carvalho vai liderar APESPE-RH no próximo quadriénio

Na Associação Portuguesa das Empresas do Sector Privado de Emprego e de Recursos Humanos, Alexandra Andrade, da Adecco, Portugal, preside à Assembleia Geral, e Álvaro Fernández, da Michael Page, ao conselho fiscal.

Afonso Carvalho, em representação da Serlima Target, foi reeleito presidente da APESPE-RH- Associação Portuguesa das Empresas do Sector Privado de Emprego e de Recursos Humanos para o quadriénio 2023-2026. Como vice-presidentes tem: José Miguel Leonardo, da Randstad, Pedro Lacerda, da Kelly Services, e António Valério, do Grupo Multipessoal.

Os vogais da direção são pela Multitempo by Job and Talent, Isabel Borges, e Nuno Ramalho, pelas Hospedeiras de Portugal. Vitor Antunes, da ManpowerGroup, tem a seu argo a função de tesoureiro.

Alexandra Andrade, da Adecco, Portugal, preside à Assembleia Geral, tendo como vogais a GIGP, representada por Thomas Marra, e a EGOR, na pessoa de Paulo Luz.

O presidente do Conselho Fiscal é Álvaro Fernández, pela Michael Page, tendo como vogal a Eurofirms, na pessoa de Sara Pimpão.

“A APESPE-RH tem feito um percurso sustentado e com impacto procurando ser a referência máxima no setor privado de emprego, trabalho e recursos humanos. A defesa dos interesses
das empresas associadas, dos setores económicos envolvidos e a análise da dinâmica da atividade económica do mercado privado de emprego são alguns dos pilares da APESPE-RH. Desta forma, é com entusiasmo que eu e a restante Direção da APESPE-RH assumimos este desafio e tudo faremos para alcançar os objetivos que nos propusemos para os próximos quatro anos”, afirma  Afonso Carvalho.

A APESPE-RH reúne as principais empresas do sector privado de emprego e os seus sócios, atualmente, representam mais de 70% do mercado do Trabalho Temporário organizado, sendo que, no caso da formação profissional e da consultoria de Recursos Humanos, existem para cima de 1500 empresas registadas e certificadas.

Recomendadas

Investigadores descobrem nova flora de angiospérmicas na região de Torres Vedras

As angiospérmicas constituem cerca de 230 mil espécies da flora moderna e são essenciais para a manutenção da vida na Terra.

FCT NOVA anuncia 75 vagas para os consórcios das Agendas Mobilizadores

Explorar insetos como alternativa na alimentação e cosmética ou oferecer soluções para gerir o tráfego no espaço. No total, os projetos aprovados são 14 e contam com 19 milhões de euros do PRR.

Premium“Os alunos são a razão maior de ser professor”

David Justino, professor catedrático do Departamento de Sociologia da Faculdade de Ciências Sociais e Humanas da Universidade NOVA de Lisboa, despediu-se da academia com uma derradeira aula.
Comentários