Agenda do investidor para 21 de novembro

BCP na mira dos investidores, após ter confirmado a entrada da Fosun no capital. Carlos Costa participa numa conferência do Banco de Portugal e Mario Draghi fala no parlamento europeu.

À meia-noite são divulgados, no Japão, dados relativos a exportações, importações e balança comercial relativos ao mês de outubro. Os analistas esperam uma diminuição de 8,6% nas exportações e 16,3% nas importações.

O BCP vai estar no centro das atenções dos investidores depois de ontem ter anunciado um aumento de capital, totalmente subscrito pela Fosun que passa a deter 16,7% das ações. As novas ações foram emitidas com um desconto de de cerca de 11%. Entretanto, a Assembleia Geral que estava marcada para hoje ás 14.30 horas, para votar a subida dos limites de voto por acionista para 30%, foi novamente suspensa para o próximo dia 19 de dezembro.

A partir das 9:30 horas, o Banco de Portugal promove a Conferência “Desenvolvimento Económico Português no Espaço Europeu”, com a participação do governador Carlos Costa. A Conferência tem como objetivo incentivar a reflexão sobre os desafios que se colocam ao desenvolvimento económico do País, tanto no ajustamento em curso como a mais longo prazo.

O INE divulga às 11.00 horas o Índice de Novas Encomendas na Construção e Obras Públicas do terceiro trimestre de 2016.

Mario Draghi, presidente do BCE, fará um discurso no parlamento europeu, às 16.00 horas, sobre o relatório anual do BCE. Os investidores estarão atentos a possíveis pistas sobre um eventual prolongamento das medidas de estímulo económico.

A divulgação de resultados do terceiro trimestre aproxima-se do fim. Hoje, destaque para Palo Alto Networks e Tyson Foods, ambas nos EUA.

Recomendadas

FMI estima que a espiral de salários-preços ainda é um “risco limitado”

A ausência de uma espiral preços-salários não deve levar os líderes a não agirem para combater a inflação persistente, considera ainda o Fundo Monetário Internacional.

Compra de carros de luxo pela TAP “é um problema de bom senso”, diz Marcelo Rebelo de Sousa

“Já falei em relação a várias entidades públicas no passado e em relação à distribuição de dividendos e em relação aos salários e entendo que quando se está num período de dificuldade deve fazer-se um esforço para dar o exemplo de contenção”, defendeu hoje Marcelo Rebelo de Sousa.

Albergaria investe 3,7 milhões de euros na zona industrial para captar investimento e criar emprego

O município “tem realizado um forte investimento no desenvolvimento económico, dinamizando o sector empresarial e a economia local” nos últimos anos, segundo António Loureiro, Presidente da Câmara Municipal de Albergaria-a-Velha.
Comentários