AICEP abre delegação em Seul

A delegação de Seul, Coreia do Sul, da AICEP – Portugal Global, Agência para o Investimento e Comércio Externo de Portugal foi inaugurada esta segunda-feira. Miguel Frasquilho, presidente da organização portuguesa que promove a internacionalização do tecido empresarial nacional, esteve presente na cerimónia de abertura da delegação. Frasquilho está a promover um roadshow de investimento nos mercados asiáticos, tendo passado […]

A delegação de Seul, Coreia do Sul, da AICEP – Portugal Global, Agência para o Investimento e Comércio Externo de Portugal foi inaugurada esta segunda-feira.

Miguel Frasquilho, presidente da organização portuguesa que promove a internacionalização do tecido empresarial nacional, esteve presente na cerimónia de abertura da delegação. Frasquilho está a promover um roadshow de investimento nos mercados asiáticos, tendo passado igualmente por Macau e Hong Kong.

No discurso inaugural, Miguel Frasquilho realçou que “a abertura da delegação da AICEP em Seul representa um novo nível de relacionamento entre os dois países e um forte compromisso na promoção das relações económicas bilaterais entre Portugal e a República da Coreia”, tendo, na ocasião, convidado a KOTRA – Korea Trade-Investment Promotion Agency, a tomar uma atitude de reciprocidade e a abrir também uma delegação em Lisboa.

A República da Coreia é a décima quinta maior economia do mundo e está entre as dez maiores países em termos de comércio global”, refere o presidente da AICEP, realçando que “as nossas relações económicas ainda são modestas (a República da Coreia foi apenas o 49º cliente de Portugal e o 26º fornecedor em 2014), havendo um grande potencial a explorar, e o papel das agências de comércio e investimento é fundamental. Precisamos de trabalhar muito para trazer os nossos empresários e encorajá-los a explorar as novas oportunidades de negócio e de parceria”, referiu Miguel Frasquilho.

O Roadshow de Investimento da AICEP, enquadrado no Plano Estratégico apresentado por Miguel Frasquilho no final de 2014, tem vindo a percorrer várias geografias de forma a promover Portugal como um destino de oportunidades para o investimento estrangeiro. Neste âmbito, Miguel Frasquilho já reuniu com investidores em países como o Brasil, Japão, Inglaterra, do Médio Oriente, China, EUA e agora Macau, Hong Kong e Coreia do Sul.

OJE

Recomendadas

“Ameaça russa” leva países nórdico-bálticos a reerguer defesas da Guerra Fria

A “ameaça russa” está a levar os países da região nórdico-báltica a reconstruir infraestruturas de defesa que tinham sido abandonadas com o fim da Guerra Fria, reconhecem analistas.

Antigo PM britânico David Cameron defende que países pobres desenvolvam energias fósseis

O antigo primeiro-ministro britânico David Cameron acusou hoje em Londres de “hipocrisia” a comunidade internacional por estar a pressionar países em desenvolvimento a não investir em combustíveis fósseis devido às alterações climáticas.

Tribunal russo proíbe movimento de protesto Vesná declarando-o extremista

Um tribunal russo declarou hoje como organização extremista o movimento Vesná (‘Primavera’), que organizou protestos em todo o país contra a mobilização parcial para combater na Ucrânia, decretada em setembro passado pelo Presidente Vladimir Putin.