Albuquerque quer colocar bordado como produto de excelência da Madeira

O governante destaca a aposta que tem sido feita na qualificação deste produto e a necessidade de o promover como sendo singular.

A intenção do Governo Regional é colocar o bordado Madeira como um produto de excelência da Região. Para isso o presidente do executivo, Miguel Albuquerque, diz que é necessário qualificar e promover este produto como sendo singular.

O governante salientou a aposta que tem sido feita “na qualificação deste produto” como sendo de excelência permite que se garanta a solidez do setor.

Albuquerque destacou, esta terça-feira, o bordado como sendo “um setor com futuro na Madeira” apesar das “mudanças radicais” que tem sofrido.

Para o governante só com esta qualificação é que se pode ter um produto com um preço mais elevado. Albuquerque referiu que é necessário também que “as bordadeiras tenham melhores remunerações” e que o produto tenha um preço consentâneo com o trabalho que dá às pessoas.

“Queremos que o bordado seja incorporado na moda e no design”, destacou Albuquerque.

Relacionadas

Bordal chega à Chanel e aos Emirados

Quase 500 bordadeiras asseguram a alta qualidade dos produtos da fábrica de Bordado Madeira que tem apostado na modernização dos designs para conquistar os mercados nacional e estrangeiro.

Falta de bordadeiras vai ser problema grave em 10 anos

Últimos dados oficiais apontavam para a existência de 1500 bordadeiras no ativo.
Recomendadas

Madeira vê receita aumentar 8% e despesa a subir 18%

Em agosto a região teve um défice de 35 milhões de euros.

Miguel Gouveia: “Vejo muitas pessoas a discutir lugares e pouca gente a discutir a Madeira do futuro”

O antigo presidente da Câmara do Funchal mostra-se disponível para uma solução governativa, liderada pelo PS, na Madeira, mas diz que mais do que falar em lugares é preciso criar uma planificação daquilo que se pretende para a Madeira, ter uma abertura grande à sociedade civil, auscultar todos os sectores, e encontrar propostas robustas e consensuais.

Madeira: Marta Freitas volta a representar PS no Conselho Consultivo sobre os Direitos das Pessoas com Deficiência

Marta Freitas, que já havia assumido esta posição no mandato anterior, foi agora reconduzida pelo Grupo Parlamentar Socialista, tendo tomado posse esta segunda-feira.
Comentários