Alojamento Local. Verão deste ano com 15 vezes mais reservas na GuestReady do que em 2019 (com áudio)

Este ano, durante os meses de verão – junho, julho e agosto – a ocupação foi em média 15% superior ao verão de 2019 e atingiu números recorde: em Portugal a ocupação média ao longo do verão foi de 90%, ultrapassando a média global da GuestReady.

Cristina Bernardo

O alojamento local este verão registou um crescimento significativo em Portugal com a GuestReady a registar 15 vezes mais reservas do que em igual período de 2019, ano que quebrou recordes de turismo a nível nacional. O portefólio da empresa especialista na gestão de alugueres a curto e médio prazo também cresceu e, em 2022, há quatro vezes mais propriedades do que no último ano pré-pandemia.

Este ano, durante os meses de verão – junho, julho e agosto – a ocupação foi em média 15% superior ao verão de 2019 e atingiu números recorde: em Portugal a ocupação média ao longo do verão foi de 90%, ultrapassando a média global da GuestReady.

“Este verão foi definitivamente uma consolidação do regresso à normalidade,” afirma Rui Silva, Managing Director da GuestReady em Portugal e em Espanha. “Recebemos muitos hóspedes franceses, espanhóis e norte-americanos, mas também portugueses, que representaram 12% de todas as reservas feitas em Portugal”.

Na cidade do Porto, nos meses de verão, a empresa abriu portas principalmente hóspedes de Espanha (19%), de França (17%) e ainda inúmeros portugueses (10%). Já em Lisboa as propriedades receberam sobretudo norte-americanos (15%), franceses (13%) e espanhóis (10%).

A GuestReady, presente em mais de trinta cidades em dois continentes, viu o número de reservas a quadruplicar este verão e o número de unidades registadas a crescer para o dobro, por comparação a 2019. No mês de agosto, “atingiu a marca global das 18 mil reservas efetuadas, das quais mais de um terço tiveram lugar em Portugal, o que representa um crescimento de 12% na taxa de ocupação global por comparação ao mesmo período de 2019”, conclui a nota.

Recomendadas

JE Podcast: Ouça aqui as notícias mais importantes desta terça-feira

Da economia à política, das empresas aos mercados, ouça aqui as principais notícias que marcam o dia informativo desta terça-feira.

Mark Bourke prevê subir o rácio de capital do Novobanco em cerca de 1% só com os lucros deste ano

“O nosso plano é o Novobanco ser independente e competitivo”, disse o CEO. Sobre se a Lone Star estava a negociar já com potenciais compradores numa venda futura do Novobanco, Mark Bourke respondeu “absolutamente que não”.

EDP emite 500 milhões de dólares de ‘green bonds’ a 5 anos

Esta emissão destina-se ao financiamento (ou refinanciamento) do portfólio de projetos renováveis elegíveis da EDP, anuncia a empresa.
Comentários