Andrew Bailey é o novo governador do Banco de Inglaterra

Andrew Bailey vai assumir as rédeas do banco de Inglaterra a 13 de março de 2020, altura em que o acordo para o Brexit com a União Europeia já deverá estar resolvido.

Fachada do Banco de Inglaterra | Luke MacGregor/Reuters

O governo inglês já tinha adiado a sucessão devido às eleições e à incerteza do Brexit. Depois de vários anos ao serviço de umas das principais reguladoras do sistema financeiro britânico, Andrew Bailey é o nome escolhido para liderar o banco de Inglaterra, vai substituir Mark Carney que por duas vezes estendeu o seu mandato.

O chanceler do banco, Sajid Javid, explica que Bailey é o nome certo para o cargo sublinhando que apresenta “características fundamentais, a sua experiência e o seu caráter fazem dele a pessoa ideal para assumir este cargo”, cita o The Guardian as declarações do responsável, esta sexta-feira.

Andrew Bailey vai assumir as rédeas do banco de Inglaterra a 13 de março de 2020, altura em que o acordo para o Brexit com a União Europeia já deverá estar resolvido.

Recomendadas

Embaixador russo em Lisboa diz que anexações são “direito consagrado na Carta da ONU”

O embaixador russo em Lisboa, Mikhail Kamynin, transmitiu hoje ao Governo português que a realização de referendos nas regiões ucranianas anexadas pela Rússia corresponde a “um direito consagrado na Carta das Nações Unidas”.

Entregas ao domicílio da IKEA serão totalmente elétricas até 2025, diz CEO

A meta para 2030 é ser uma empresa positiva para o clima, isto é, reduzir mais gases de efeito estufa do que aqueles que são emitidos por toda a sua cadeia de valor.

JE Podcast: Ouça aqui as notícias mais importantes desta segunda-feira

Da economia à política, das empresas aos mercados, ouça aqui as principais notícias que marcam o dia informativo desta segunda-feira.
Comentários