António Costa congratula-se com êxito da cirurgia do Presidente da República

O primeiro-ministro, António Costa, congratulou-se esta quarta-feira com o êxito da cirurgia a que foi submetido o Presidente da República e manifestou a Marcelo Rebelo de Sousa o desejo de “uma rápida e completa recuperação”.

Manuel de Almeida/Lusa

“Regozijo-me com o sucesso da intervenção cirúrgica do senhor Presidente da República. Junto-me aos milhões de portugueses que desejam profundamente que tenha uma rápida e completa recuperação, desejando que retome plena atividade com a vitalidade de sempre”, escreveu António Costa na sua conta na rede social Twitter.

Marcelo Rebelo de Sousa, foi hoje “operado, com sucesso, a duas hérnias inguinais, no Hospital Forças Armadas, no Lumiar, em Lisboa”, anunciou a Presidência da República.

O Presidente tinha entrado hoje no Hospital das Forças Armadas, em Lisboa, para ser submetida a esta cirurgia.

Na terça-feira, quando interpelado pelos jornalistas sobre a intervenção cirúrgica, no final de uma sessão na Fundação Calouste Gulbenkian, em Lisboa, o Presidente referiu que iria ocorrer “ao começo da tarde” de hoje.

No domingo, o Presidente da República precisou que seria “uma intervenção por laparoscopia, muito rápida e simples, mais rápida do que a operação à hérnia umbilical”, não encontrando por isso razão para ser substituído.

Relacionadas

Presidente da República operado “com sucesso” a duas hérnias inguinais

O chefe de Estado, Marcelo Rebelo de Sousa, “foi hoje operado, com sucesso, a duas hérnias inguinais, no Hospital Forças Armadas, no Lumiar, em Lisboa”, anunciou a Presidência da República.
Recomendadas

Plataforma da A23 e A25 indignada com ausência da abolição de portagens no OE2023

Em comunicado, a plataforma salientou que “foi sem surpresa, mas com indignação”, que confirmou que “o Governo e o partido (PS) que o suporta na Assembleia da República aprovaram o Orçamento do Estado para 2023, sem nele incluírem a suspensão ou abolição das portagens nas Scut da Beira Interior (A23, A24 e A25)”.

Vulnerabilidade de imigrantes sobretudo brasileiros que pedem retorno agravou-se este ano

O Chefe da Missão da Organização Internacional para as Migrações (OIM) disse hoje que os imigrantes que recorreram este ano ao apoio ao retorno ao país de origem, 92% dos quais brasileiros, “estão em situação de extrema vulnerabilidade”.

JE Podcast: Ouça aqui as notícias mais importantes desta segunda-feira

Da economia à política, das empresas aos mercados, ouça aqui as principais notícias que marcaram o dia informativo desta segunda-feira.
Comentários