Ao telefone com Trump, Xi Jinping avisa EUA para não interferirem nos assuntos internos da China

O líder republicano contou que teve uma conversa “muito boa” com o presidente Xi sobre o acordo comercial e informou que a China já avançou com uma encomenda de “larga escala” de produtos agrícolas.

Presidente chinês, Xi Jinping, e governante norte-americano, Donald Trump, conversam durante evento em Pequim, em 2017 | REUTERS/Thomas Peter

O presidente norte-americano conversou, esta sexta-feira, com o homólogo chinês e reivindicou o progressos nas negociações comerciais com a Coreia do Norte e Hong Kong, mas no que toca à China, Xi acusou os EUA de interferirem nos assuntos internos do país.

Na notícia avançada pela Reuters, este sábado, os dois líderes conversaram uma semana depois de terem assinado a fase 1 do acordo que visa acabar com a guerra comercial entre a China e os EUA que dura há mais de 18 meses e que tem prejudicado a economia mundial.

A televisão estatal chinesa informou que a conversa veio a pedido do próprio presidente Trump. Num tweet, o republicano contou que teve uma conversa “muito boa” com o presidente Xi sobre o acordo e informou que a China já avançou com uma encomenda de “larga escala” de produtos agrícolas.

A agência de noticias China’s Xinhua informa, por sua vez, que o líder chinês partilhou “grandes preocupações” sobre as “palavras e ações negativas” dos EUA na resolução de conflitos no Tawain, Hong Kong, Xinjiang e Tibete. Nomeadamente, o pedido de encerramento nos campos de detenção em massa na na região oeste da China, em Xinjiang e a preocupação no tratamento de manifestantes em Hong Kong.

“Essas ações interferiram nos assuntos internos da China, prejudicaram os interesses chineses e minaram a confiança mútua e a cooperação entre os dois lados”, informa a agência chinesa.

 

Recomendadas

JE Podcast: Ouça aqui as notícias mais importantes desta segunda-feira

Da economia à política, das empresas aos mercados, ouça aqui as principais notícias que marcam o dia informativo desta segunda-feira.

Sentimento económico na Alemanha deteriora-se em setembro

O declínio do sentimento económico está a afetar os quatro setores da economia, com as empresas a avaliarem os seus negócios atuais como claramente piores.

Seis mortos e 20 feridos num tiroteio em escola na Rússia

“Hoje, a polícia recebeu um relatório sobre um tiroteio na Escola 88 em Izhevsk”, anunciaram os agentes de autoridade russos.
Comentários