Apple condenada de violar patentes na China. Proibida a venda de sete modelos de iPhone

A fabricante de chips ganhou uma ação judicial contra a Apple que está impedida de vender vários modelos de iPhones na China. Qualcomm acusa a Apple de beneficiar da propriedade intelectual da fabricante de chips sem recompensar.

REUTERS/Regis Duvignau

A partir desta segunda-feira, a Apple vai deixar de poder vender uma série de modelos de iPhones na China, depois de um tribunal chinês ter considerado que a empresa norte-americana violou os termos de duas patentes da Qualcomm, uma fabricante de chips.

As duas patentes em causa foram consideradas válidas pela autoridade de patentes chinesa, a Administração Nacional para a Propriedade Intelectual (da sigla em inglês, CNIPA, anteriormente conhecida por SIPO).

Em comunicado divulgado esta segunda-feira, a Qualcomm esclareceu que as duas patentes infringidas pela Apple permitem aos “consumidores finais ajustarem e formatarem o tamanho e a aparência das fotografias, e de tocarem no ecrã para visualizarem, navegarem ou fecharem as aplicações nos smartphones“.

[frames-chart src=”https://s.frames.news/cards/lucros-da-apple/?locale=pt-PT&static” width=”300px” id=”296″ slug=”lucros-da-apple” thumbnail-url=”https://s.frames.news/cards/lucros-da-apple/thumbnail?version=1541440023998&locale=pt-PT&publisher=www.jornaleconomico.pt” mce-placeholder=”1″].

 

No seguimento da decisão do tribunal, a Apple deixará de vender no mercado chinês, o maior mercado de dispositivos móveis do mundo, o iPhone 6S, iPhone 6S Plus, iPhone 7, iPhone 7 Plus, iPhone 8, iPhone 8 Plus e o iPhone X, explicou a Qualcomm.

Don Rosenberg, vice-presidente executivo da Qualcomm, disse que “Apple continua a beneficiar da propriedade intelectual [da Qualcomm] e recusa recompensar”.

A Qualcomm revelou ainda que permanecem pendentes outras ações semelhantes na China contra as violações da Apple às patentes da fabricante de chips.

As acções da Apple estão a desvalorizar 1,91%, para 165,32 dólares,

Relacionadas

Bolsa de Nova Iorque abre mista

Investidores com sentimento misto marcou a abertura da primeira sessão da bolsa de Nova Iorque. Detenção da CFO da Huawei no Canadá, na semana passada, está a ter impacto nas relações comerciais entre os EUA e a China.

Sete dicas para melhorar o tempo de vida da bateria do seu portátil

Há coisas simples que pode fazer para melhorar o tempo de duração da bateria entre cargas. Para ver se a bateria do seu Mac está prestes a morrer, prima a tecla ‘Option’ e clique no ícone da bateria para ver o estado da bateria. Se vir a informação ‘Replace now’ ou ‘Service Battery’, a bateria está a funcionar muito abaixo da sua capacidade máxima. Aqui ficam mais algumas sugestões para Windows e Mac.

O Youtube vai mesmo acabar? Seis coisas que deve saber sobre a lei que pode mudar a Internet

Proposta de reforma sobre direitos de autor no mercado único digital está a gerar muita polémica. Os que estão contra dizem que vai ser o fim da Internet como ela existiu até hoje, Já os que estão a favor, afirmam que a nova lei vai proteger mais os artistas. Mas afinal, o que muda?
Recomendadas

CGD vai continuar com uma posição de capital acima da média da Europa, diz Paulo Macedo

O presidente da Comissão Executiva da CGD disse hoje que o banco vai continuar com uma das maiores redes de agências e com uma posição de capital acima da média da Europa e acima dos bancos portugueses.

Alliance Healthcare tem um novo CEO

Paulo Clímaco Lilaia é o novo CEO da Alliance Healthcare, anunciou a empresa que  armazena e distribui produtos farmacêuticos, em comunicado.

Unicórnio Feedzai nomeia David Henshall para o conselho de administração

O antigo presidente e CEO da norte-americana Citrix Systems juntou-se à gestão da empresa liderada por Nuno Sebastião, conhecida pela sua plataforma digital de gestão de risco e fraude financeira.
Comentários