Apple pressiona Wall Street

Ações da tecnológica desvalorizam mais de 2% num dia que deverá ser marcado por um baixo volume de negociação.

Crash de 25% em Wall Street

O índice industrial Dow Jones cai 0,11% para 24.754,06 pontos, enquanto o tecnológico Nasdaq cede 0,39% para 6.932,68 pontos. Já o S&P500 perde 0,05% para 2.680,33 pontos.

Na sessão de hoje, estão em destaque os títulos da Apple, que desvalorizam 2,51% para 170,77 dólares, depois de os analistas terem revisto em baixa as estimativas de encomendas do iPhone X para os primeiros três meses de 2018.

O dia deverá ficar marcado pelo baixo volume de negociação, como é habitual na semana entre o Natal e a passagem de ano, devido à ausência de muitos investidores do mercado.

Relacionadas

Preço do petróleo atinge máximo de três semanas

Explosão de um oleoduto na Líbia provoca aumento significativo do preço do barril de petróleo Brent.

‘Rally’ nas criptomoedas. Bitcoin, litecoin e ethereum em alta

A bitcoin cresce 10% para os 15.116 dólares, de acordo com a Bloomberg. As rivais acompanham a escalada.

Ouro, libra, rand e bitcoin em rota de ganhos

A maioria das praças financeiras está hoje encerrada e o destaque vai para as valorizações do metal precioso, das divisas inglesa e sul-africana e das criptomoedas.

Criptomoedas, impostos e volatilidade vão determinar investimentos em 2018

Depois de um ano de ganhos, 2018 poderá trazer correções nas ações globais. Apesar disso, os gestores de ativos vêem um futuro risonho para a Europa.

iPhone X: baixa procura, preço elevado e falta de inovações

Analistas apontam principais defeitos e revêem em baixa as estimativas de encomendas do aparelho criado pela marca da maçã.

Bitcoin atinge novo recorde e aproxima-se dos 20 mil dólares

Criptomoeda supera a fasquia dos 19.500 dólares por unidade. Valorização tem lugar um dia depois da estreia da Bitcoin na negociação no CME Group.
Recomendadas

Terceiro dia consecutivo de perdas em Wall Street. S&P 500 e Nasdaq derrapam

As ações da bolsa norte-americana encerraram a sessão em queda, pelo terceiro dia consecutivo. O empresarial S&P 500 e o tecnológico Nasdaq derraparam e apenas a indústria salvou Wall Street de uma terça-feira pintada a ‘vermelho’.

Bolsa de Lisboa encerra sessão com ganhos ligeiros numa Europa dividida

Entre as cotadas que mais ganharam está a Altri, que avançou 1,74% para 5,55 euros, seguida da Mota Engil que valorizou 1,14% para 1,244 euros e Galp Energia +1,09% para 11,59 euros. A NOS termina o dia flat.

IGCP recompra Obrigações do Tesouro na quarta-feira

Num comunicado divulgado esta terça-feira, o IGCP – Agência de Gestão da Tesouraria e da Dívida Pública afirma que no leilão recompra as obrigações do Tesouro “PTOTEAOE0021- OT 4,95% 25 Out 2023” e “PTOTEQOE0015 – OT 5,65% 15 Fev 2024”.
Comentários