Ásia lidera preferência dos investidores para 2021, estima UBS

Entre as tendências de investimento apresentadas por analistas e gestores de fundo, estão algumas ideias que já vinham a ser destacadas em análises anteriores por parte da UBS e que ganham mais força para 2021.

O ano de 2020 ficará conhecido como ano marcado pela pandemia de Covid-19, evento que, de acordo com alguns analistas, poderá ter acelerado algumas tendências de investimento que já se perspetivavam. “Em vez de conter essas tendências, a pandemia do coronavírus acelerou a maioria das tendências a longo prazo que já se encontravam em curso”, explicam especialistas da UBS ao jornal “El Economista”.

Explica o jornal espanhol que entre as tendências de investimento apresentadas por analistas e gestores de fundo, estão algumas ideias que já vinham a ser destacadas em análises anteriores por parte da UBS e que ganham mais força para 2021: a necessidade de aumentar a ponderação dos países emergentes será uma dessas tendências com a Ásia no foco da maior parte dos investidores para os próximos meses.

Explica a UBS que se trata de uma região com um “forte consumo doméstico que tem vindo a crescer e que também conta com uma componente tecnológica importante”. Estes analistas da UBS destacam ainda a temática da sustentabilidade dos investimentos, um fator que “não só não travou com a pandemia, como ainda ganhou tração”.

Recomendadas

Implementação do Metro do Porto foi “processo de catequização”

O administrador dos Transportes Intermodais do Porto (TIP), Manuel Paulo Teixeira, disse à Lusa que a equipa que lançou o Metro do Porto, da qual fez parte, fez “um processo de catequização” para convencer pessoas, autarcas a instituições.

Amazon planeia gastar 95 milhões de euros por ano em publicidade no Twitter

Este valor faz parte da estratégia da retalhista online no regresso à publicidade na rede social agora liderada por Elon Musk, mas está ainda dependente de alguns “ajustes de segurança” na plataforma de anúncios do Twitter.

Comércio online representou 22% de todo o comércio na Black Friday

As compras por MB Way dispararam face a 2019, com uma subida de 1.730%, de acordo com os dados divulgados pelo Forward Payment Solutions (SIBS).
Comentários