Associação de Jovens Empresários desafia estudantes para ‘pitch’. Farfetch, Super Bock ou Efacec vão estar a ouvir

A primeira edição do desafio ChallANJE realiza-se esta quarta-feira a partir das 8h30, no Porto.

Alunos do IPAM, da Universidade do Porto e da Universidade do Minho participam na primeira edição do ChallANJE, que será realizado na sede da Associação Nacional de Jovens Empresários (ANJE), esta quarta-feira, 5 de dezembro. O evento, que contou com o apoio da consultora júnior de marketing BASE IPAM, pretende contribuir para aproximar estudantes e empresas.

Cerca de 100 estudantes destas três instituições vão ser desafiados pela Farfetch, Super Bock Group, Continente, Efacec, Nova Era Rádio e Lemon Jelly Shoes a arranjarem soluções para problemas reais, sendo que os alunos serão divididos em equipas de cinco elementos e, ao longo de dez horas, terão de desenvolver propostas para apresentar em formato de pitch.

O desafio ChallANJE, que arranca às 8h30 com o tema “inovação”, insere-se na startANJE Business Week, que decorrer desde 4 de dezembro e se prolonga até ao próximo dia 8, entre a sede da ANJE e a Alfândega. Na agenda está ainda a 21ª Feira do Empreendedor, a “European Young Entrepreneur Conference” e o encontro CPLP Meeting.

Recomendadas

PremiumFintech House muda de sede para duplicar número de startups

‘Joint venture’ da associação Portugal Fintech e da rede de espaços de trabalhos partilhados Sitio investiu perto de um milhão de euros na mudança do edíficio na Praça da Alegria para o da Avenida Duque de Loulé, com dez pisos e mais de 2 mil metros quadrados.

Prémio de Empreendedorismo Professor José Adriano atribuído a professora do Politécnico de Leiria

Leopoldina Alves foi reconhecida pelo seu contributo para a afirmação de uma cultura de empreendedorismo no ensino superior politécnico em Portugal. Recebeu o prémio no encerramento do Poliempreende maior iniciativa do género no país.

Crédito Agrícola avança com linha de crédito até 15 anos para empreendedores do sector agrícola

O Crédito Agrícola revela que disponibiliza a linha Agronegócios FEI (Fundo Europeu de Investimento) com o objectivo de melhorar condições de acesso ao financiamento, com taxas de juro atractivas e prazos de financiamento mais longos (até 15 anos).
Comentários