Atrys Health compra espanhola Bienzobas através de aumento de capital de 72 milhões

A Atrys Health, empresa global que presta serviços de diagnóstico e tratamento médico de precisão, pioneira na telemedicina e radioterapia de última geração e já com uma forte presença em Portugal, anunciou a aquisição de 100% da Bienzobas.

A Atrys Health, empresa global, com sede na Catalunha, que presta serviços de diagnóstico e tratamento médico de precisão, pioneira na telemedicina e radioterapia de última geração e já com uma forte presença em Portugal, anunciou a aquisição de 100% da Bienzobas.

“Esta operação surge numa altura em que a companhia completa com êxito uma ampliação de capital de 72 milhões de euros, para impulsionar o seu crescimento”, revela a empresa em comunicado.

A Atrys solicitará a admissão da negociação das novas ações na Bolsa de Valores de Madrid, Barcelona, Bilbau e Valencia, assim como a sua inclusão no Sistema de Interconexión Bursátil Español (SIBE), estando previsto que as mesmas sejam admitidas a negociação a 15 de junho e comecem a cotar no decorrer da semana.

A colocação das novas ações foi levada a cabo mediante um processo de colocação privada acelerada realizada pelo Barclays Bank Ireland, o Andbank España, o Banco de Sabadell, o GVC Gaesco Valores e o Renta 4 Banco. A Mediobanca – Banca di Credito Finanziario S.p.A. atuou como assessor financeiro da empresa. A Linklaters atuou como assessor legal das entidades colocadoras; a Gómez-Acebo & Pombo Abogados foi responsável pela assessoria legal da Atrys.

Com o objetivo de financiar esta aquisição, o Conselho de Administração da Atrys acordou a ampliação do capital a partir de contribuições em dinheiro e com a exclusão do direito de subscrição preferencial a sete euros por ação sendo que, destes, 0,01 euros correspondem ao valor nominal e 6,99 euros a um prémio de emissão.

Como resultado do aumento de capital, a Atrys emitirá 10.350.000 novas ações (10,35 milhões). Além dos novos Family Offices espanhóis, entraram também acionistas de referência da Atrys – como a Onchena, a Mayoral ou a Caser, além da própria equipa diretiva da empresa.

Para Santiago de Torres, presidente da Atrys, “esta ampliação de capital destaca a atratividade da empresa depois do seu salto para o Mercado Principal e confirma o interesse quer de investidores nacionais como internacionais que acompanham o ambicioso plano de crescimento”.

“Estamos muito satisfeitos com esta operação e agradecemos especialmente o apoio dos investidores que já nos acompanhavam e que agora aumentam a sua participação”, refere.

A Bienzobas, líder em Espanha na prestação e gestão de serviços de oncologia médica, tem uma crescente presença no México mas também em território nacional. “Atualmente, a empresa é responsável pelo tratamento oncológico de mais de dois milhões de pessoas. É, por isso, uma referência em serviços de assessoria oncológica através de acordos com as principais seguradoras e grupos de saúde do país vizinho”, lê-se no comunicado.

“Numa vertente estratégica, a incorporação da Bienzobas permite à Atrys completar e consolidar um modelo de Oncologia 360, pudendo aumentar a sua oferta assistencial aos pacientes, seguradoras e grupos hospitalares. Assim, a Atrys converte-se num dos principais grupos de oncologia, oferecendo a mais ampla capacidade clínica em medicina de precisão, prevenção, diagnóstico e tratamento do cancro, facilitando os cuidados individualizados aos pacientes e apostando na inovação tecnológica”, anuncia a empresa.

A Bienzobas colabora com os principais grupos hospitalares e seguradoras em Espanha, otimizando os recursos oncológicos disponíveis. Também faz parte do aconselhamento de prescrição oncológica ajudando a tornar acessíveis aos pacientes os tratamentos mais inovadores, nas melhores condições de segurança e qualidade assistencial. Conta com uma rede de mais de 70 médicos oncologistas, especialistas em radioterapia e em onco-hematologia, que trabalham em mais de 40 hospitais e centros médicos.

Com uma faturação de 30,62 milhões de euros em 2021, a Bienzobas está presente no México, país em que opera através da filiar Cuidarte. Esta companhia conta com uma clínica de tratamento do cancro da Cidade do México e com uma rede de mais de 50 médicos que presta serviços de tratamento oncológico a pacientes das principais sociedades médicas do país. La aquisição implica a entrada da Atrys no México, completando a sua presença em Espanha, Suíca, Portugal, Chile, Brasil, Colômbia e Perú.

Para Santiago de Torres, com esta operação a empresa converte-se “no primeiro grupo independente que oferece uma abordagem oncológica 360 e que conta com uma plataforma tecnológica baseada na inteligência artificial, aproximando a medicina de precisão aos pacientes”.

“Reforçamos além disso a nossa liderança incorporando uma equipa de gestão que reúne talento e amplia a experiência na atividade assistencial da Oncologia Médica”, diz.

Até agora participada pelo fundo Nexxus Iberia, a Bienzobas reforça as principais áreas de negócio da Atrys: a prevenção, o diagnóstico e a radioterapia oncológica avançada., O preço da aquisição ascende aos 76,3 milhões de euros (dos quais, aproximadamente, 72,1 milhões serão garantidos efetivamente e 4,27 milhões serão pagos em espécie, mediante a entrega de ações da Atrys). Adicionalmente, acordou-se o pagamento de um preço contingente (earn out) de aproximadamente 18,1 milhões de euros, sujeito ao nível de EBITDA que a Bienzobas alcance no exercício de 2022.

A aquisição será financiada pela Atrys através de recursos próprios mediante um procedimento de colocação privada acelerada (accelerated bookbuild offering) dirigido exclusivamente a investidores qualificados, nacionais e estrangeiros.

“Com esta aquisição, a Atrys dá assim continuidade à sua aposta na inovação aplicada à saúde e prossegue na rota do cumprimento do seu plano estratégico de crescimento, que contempla um volume de negócios proforma de 220 milhões de euros para o exercício 2022 e um EBITDA ajustado de 50 milhões de euros”. adianta a empresa

Nesta operação, a Atrys contou com a assessoria legal da Pinsent Masons e a Mediobanca – Banca di Credito Finanziario S.p.A. atuou como assessora financeira da empresa. Do seu lado, os vendedores foram assessorados pela EY España. A PwC España foi a empresa encarregue de realizar a Due Diligence.

 

Recomendadas

BES/GES: Passos Coelho ouvido em tribunal durante cerca de duas horas

Passos Coelho chegou ao Campus da Justiça pelas 14h05 e avisou logo que não iria prestar declarações à entrada do tribunal por estar “um bocadinho atrasado”, uma vez que a sua audição estava agendada para as 14h00.

Pedro Morais Leitão é o novo administrador-delegado da Media Capital

“Pedro Morais Leitão regressa, assim, ao grupo Media Capital, onde já desempenhou funções de administrador da Media Capital Multimédia e foi responsável pela fundação do portal IOL”, adianta a dona da TVI e da CNN Portugal.

Flexdeal com lucros consolidados de cerca de 160 mil euros entre outubro e março

A empresa apresentou ao mercado o seu Relatório de Gestão Intercalar, relativo ao período de 1 de outubro de 2022 a 31 de março de 2022. O resultado líquido do período atribuível à Flexdeal terminado em 31 de março de 2022 foi de 203.044,31 euros. O resultado líquido consolidado do período foi de 159.677,49 euros.
Comentários