Ausência de Putin em evento aumenta especulação sobre o seu estado de saúde

As dúvidas sobre o estado de saúde de Putin aumentaram recentemente.

Lusa

A especulação em torno da saúde do presidente russo, Vladimir Putin, continua e desta vez foi a desistência de um jogo de hóquei que levantou algumas suspeitas.

Estava previsto Putin participar num jogo amador da Liga de Hóquei russa, criada pelo próprio, mas em vez disso enviou uma mensagem em vídeo. “Desejo boa sorte nas batalhas no gelo e tudo de bom”, disse Putin na mensagem. “E como dizem: Que vença o melhor”, acrescentou.

Uma fonte próxima de Moscovo disse ao “New York Post” que o jogo amador “sempre foi uma data firme no diário [de Putin]”. A mesma fonte acredita  “algo deve estar errado para que ele não compareça”.

Era igualmente esperado que Vladimir Putin também jogasse pelo Legends of Hockey, mas no início de maio, o porta-voz do Kremlin, Dmitry Peskov, anunciou que o chefe de Estado não participaria no jogo.

Putin, que muitas vezes exibiu as proezas atléticas, gabou-se em 2021 de que o hóquei no gelo lhe proporcionava longevidade – e usou a participação no jogo anual para reprimir rumores sobre a sua saúde. “Estende a vida, melhora a qualidade de vida e atribui-lhe um significado mais profundo”, disse o líder russo na altura.

O estado de saúde de Putin tem vindo a ser questionado em diversas ocasiões. A 2 de maio, em entrevista ao “The Sun”, um antigo agente do KGB disse que Putin sofria de demência.

“Eu não sou médico, mas há uma séria preocupação de que Putin esteja a sofrer de vários problemas de saúde – possivelmente devido a lesões desportivas durante a juventude. Isso, em conjunto com alguns problemas que afetam as pessoas mais velhas, como a demência em fase inicial”, disse Boris Karpichov,

Segundo o antigo agente do KGB o presidente russo estará a esconder o seu estado de saúde às pessoas mais próximas para manter a imagem de um homem forte. “Ele é tão desconfiado e tão obcecado, com ideias paranoicas que agora pode ser comparado ao tirano Estaline”, garantiu.

Além das opiniões sobre a saúde do líder do Kremlin um vídeo publicado onde aparece a mão de Vladimir Putin a tremer enquanto o presidente russo cumprimenta o líder da Bielorrússia. No vídeo, que foi filmado pouco antes da invasão russa da Ucrânia em fevereiro, Putin pressiona a mão contra o peito para parar de tremer enquanto cumprimentava Alexander Lukashenko.

Recomendadas

Rússia expulsa 34 diplomatas franceses

A situação poderá estender-se ao corpo diplomático espanhol, dado que Sergey Lavrov convocou esta quarta-feira o embaixador espanhol em Moscovo, Marcos Gómez.

Zelensky invoca ‘O Grande Ditador’ de Chaplin em Cannes

“O cinema vai ficar calado ou vai falar sobre isto? Se houver um ditador, se houver uma guerra pela liberdade, novamente, tudo depende da nossa unidade. O cinema pode ficar de fora?”, questionou. Por fim, disse que a sua crença é a mesma do clássico cinematográfico: “a liberdade não morrerá”.

Ginasta russo banido por um ano por usar símbolo pró-Putin em competição ganha pela Ucrânia

Ivan Kuliakd deve também devolver a medalha e reembolsar o prémio em dinheiro de 500 francos suíços (cerca de 477 euros) e pagar uma contribuição dos custos do processo no valor de 2.000 francos suíços (1908 euros). O russo pode pedir o recurso nos próximos 21 dias.
Comentários