PremiumBancos não esperam ter de constituir provisões para processo de Berardo

Nem a CGD, nem o BCP, nem o Novobanco estão a ponderar constituir provisões para a ação de Joe Berardo de 900 milhões, apurou o JE. Decisão final só depois de os gabinetes jurídicos avaliarem a probabilidade de sucesso.

2 – Joe Berardo

Os autores da ação judicial são dois, a Fundação José Berardo – IPSS e Joe Berardo, a título pessoal. Os réus são os bancos BCP, Caixa Geral de Depósitos, Novobanco e BES.

Conteúdo reservado a assinantes. Para ler a versão completa, aceda aqui ao JE Leitor

Recomendadas
Nuno Melo

Nuno Melo vai pedir intervenção de Bruxelas e do BCE para as “falhas” do Banco de Fomento

Nuno Melo denuncia que o banco ainda não apresentou contas de 2020. A Comissão Europeia tem competência para acompanhar os fundos cuja gestão será cometida ao BPF e o BCE para verificar porque não há ainda um presidente do Conselho de Administração.

Governo põe fim ao protocolo com coleção Berardo e anuncia novo museu no CCB para 2023

A informação foi dada pelo ministro da Cultura, Pedro Adão e Silva. O protocolo está em vigor desde 2006 entre o Estado, a fundação do Centro Cultural de Belém, Joe Berardo e a associação Coleção Berardo.

BCP escolhido como melhor banco português para finanças sustentáveis

“Ainda há muito a fazer nesta área [da sustentabilidade], mas este é – certamente – um excelente incentivo”, diz o CEO do BCP, Miguel Maya.
Comentários