BCP emite 133,7 milhões de euros a 8,75% para trocar por títulos que venciam em 2027

Depois de ter anunciado que não ia usar a opção de reembolso antecipado de uma linha de dívida com maturidade em 2027, o banco recebeu ofertas de 133,7 milhões de euros e vai emitir a 5 de dezembro essas obrigações a 10 anos, e com juro de 8,75% nos primeiros cinco.

O BCP divulgou os resultados de oferta de troca sobre emissão T2 com maturidade em dezembro de 2027.  O banco liderado por Miguel Maya informa sobre os resultados da oferta, “que expirou às 16h00 do dia 29 de novembro de 2022, tendo o BCP recebido ofertas válidas de troca pelos titulares de notes no montante nominal total de 133,7 milhões de euros”.

Recorde-se que no passado dia 22 de novembro, “o Banco Comercial Português anunciou o lançamento de uma oferta de troca, oferecendo aos titulares da sua emissão 300 milhões de euros feita a 4,50% “T2 Subordinated Fixed Rate Reset Notes due December 2027” a
opção e oportunidade de as trocar por novas “Euro denominated T2 Notes”.

O BCP decidiu não fazer o reembolso antecipado da dívida emitida em 2017 e com maturidade em 2027 no valor de 300 milhões de euros e cujo o exercício da opção de reembolso antecipado vencia a 7 de dezembro de 2022. Optou por adquirir essa dívida através da entrega dos novos títulos que vai emitir. Os obrigacionistas que aderiram à oferta de troca aceitaram trocar para novos títulos que vencem dentro de dez anos.

“O BCP emitirá, em 5 de dezembro de 2022, os novos títulos no montante de 133,7 milhões de euros a subscrever pelos titulares que apresentaram ofertas válidas de troca”, revela o banco.

“A emissão de New Notes, no montante de 133.700.000,00 euros terá um prazo de 10,25 anos, com opção de reembolso antecipado pelo banco durante um período de três meses a partir do final do 5º ano, e uma taxa de juro fixa de 8,75%, por ano, durante os primeiros 5,25 anos”, revela o BCP.

A partir do 5º ano e 3 meses, a taxa de juro resultará da soma da taxa mid-swap de 5 anos prevalecente com um spread de 6,051%, por ano.

Recomendadas

BPI financia tecnologia que promove autonomia de pessoas com paralisia cerebral

App, acessível por smartphone, tablet ou computador, permite aos residentes emitir um pedido de assistência que assume a forma de alerta enviado aos colaboradores da instituição. Em 2022 foram lançados 4.590 pedidos de assistência.

Premium“Crédito Agrícola tem de saber manter a sua identidade”

Papel da banca cooperativa é analisado em livro dos professores universitários Luís Reto, Paulo Bento e Nuno Crespo, a pedido do Crédito Agrícola.

CGD aumenta proposta salarial para 3,5%, mas sindicatos querem mais

O banco estatal também aceitou aumentar o valor das propostas referentes a alguns subsídios, como o de natalidade e o de trabalhador-estudante, e o plafond do crédito à habitação, dizem MAIS, SBC e SBN. Mas sindicatos pedem mais.
Comentários