Binance suspende depósitos em ‘tokens’ da FTX

O CEO da bolsa de criptomoedas fundada na China, Changpeng Zhao, escreveu na rede social Twitter que a empresa está a monitorizar a situação e aconselhou as outras empresas do sector a suspenderem os depósitos de FTT.

A bolsa de criptomoedas Binance deixou este domingo de aceitar depósitos em tokens FTT – os ativos digitais da FTX – no âmbito do pedido de insolvência da empresa FTX que deu entrada na sexta-feira. Apesar deste processo de falência, a decisão da tecnológica oriunda da China foi essencialmente motivada pelos acessos não autorizados à plataforma detetados ontem.

O CEO da Binance, Changpeng Zhao, escreveu na rede social Twitter que a empresa com sede nas Bahamas está a monitorizar a situação e aconselhou as outras bolsas de criptomoedas a optar pela mesma pausa nos depósitos de FTT.

Contract deployers [programadores] de FTT movimentaram todo o inventário disponível de FTT no valor de 400 milhões de dólares, que deve ser desbloqueado em lotes. Não tenho a certeza do que está a acontecer”, admitiu o empresário canadiano-chinês, através de um outro tweet.

Segundo a agência Reuters, alguns analistas financeiros alertaram este sábado para o facto de “centenas de milhões de dólares” em ativos terem sido transferidos da plataforma em “circunstâncias suspeitas”.

No Twitter, a Binance também advertiu para a situação: “Apercebemo-nos de um movimento suspeito de uma grande quantidade de FTT pelos contract deployers [programadores] do token. A Binance suspendeu os depósitos de FTT para manter os utilizadores seguros. A nossa equipa está a investigar asituação e dará mais atualizações, se estiverem disponíveis. Obrigada”. Os detalhes sobre o cancelamento destes depósitos foram publicados num comunicado online.

 

O declínio da FTX tornou-se mais evidente na semana passada, quando a Binance anunciou um acordo não vinculativo para salvar a empresa do milionário trintão Sam Bankman-Fried, através de uma aquisição, mas na quarta-feira veio a público explicar que não iria ser possível avançar com o negócio. A FTX chegou a valer 32 mil milhões de dólares e agora tem um buraco financeiro avaliado em 8 mil milhões de dólares.

Recomendadas

TAP: Sindicato fala em adesão total à greve de tripulantes até às 08:30

“O balanço é prematuro, uma operação da TAP inicia-se por volta das 05:30 da manhã, o que sabemos até à data é que nenhum voo saiu sem ser serviços mínimos ou Portugália, portanto até agora a adesão é total”, disse à Lusa o presidente do SNPVAC, Ricardo Penarroias, no aeroporto de Lisboa, cuja operação, às primeiras horas da manhã, funcionava dentro da normalidade.

Ocean Winds vence leilão e vai desenvolver projeto eólico offshore flutuante até 2 GW na Califórnia

A Ocean Winds – um consórcio da EDP Renováveis e da francesa Engie – e o Canada Pension Plan Investment Board vão desenvolver um projeto eólico offshore ao largo da costa central da Califórnia, comunicou esta manhã a EDP à CMVM. Em causa está uma licença com direitos de gestão de 32,5 mil hectares naquela área.

EDP conclui venda da central hidroeléctrica de Mascarenhas no Brasil

Com esta transação, a EDP reduz o peso da geração convencional e, nomeadamente, da exposição hídrica no Brasil, em linha com o plano estratégico 2021-2025 apresentado ao mercado em fevereiro de 2021.
Comentários