Bolsa abre no ‘vermelho’ numa Europa no ‘verde’

O petróleo segue misto com o brent a desvalorizar 0,04% para os 113,46 euros e o crude a subir 1,42% para os 109,97 euros.

A bolsa de Lisboa abre no ‘vermelho’, descendo 0,18%, para os 6,043.34 pontos.

A maior desvalorização vai para o Banco Comercial Português (BCP), que desce 1,47%, para os 0,1545 euros, seguida pela EDP, que desvaloriza 0,65% para os 4,56 euros, e pela REN que quebra 0,86% para os 2,875 euros.

A maior subida vai para a Greenvolt que valoriza 0,64% para os 7,87 euros. A Corticeira Amorim, Semapa e CTT são as outras cotadas que se encontram a negociar no ‘verde’.

Nas principais bolsas europeias a tendência é de subida. O DAX (Alemanha) valoriza 0,55%, o FTSE 100 (Reino Unido) sobe 0,12%, o CAC 40 (França) sobe 0,13% e o IBEX 35 (Espanha) valoriza 0,18%.

O petróleo segue misto com o brent a desvalorizar 0,04% para os 113,46 euros e o crude a subir 1,42% para os 109,97 euros.

A research da BA&N diz que os receios com a inflação elevada e a possibilidade de recessão “continuam a limitar” qualquer movimento de recuperação nos mercados, numa altura em que a crise energética na Europa “está agora no centro das preocupações”.

O euro desvaloriza face ao dólar com uma descida 0,24% para os 1,03999 euros.

Atualizado às 09h19

Recomendadas

Bolsa de Lisboa encerra sessão a perder mais de 1%

O BCP e a Galp estão a liderar as perdas na bolsa de Lisboa. Por outro lado a Greenvolt é a cotada com mais ganhos.

Wall Street abre no ‘verde’ em linha com congéneres europeias

O Nadaq sobe agora 0,54% para 12.848,50 pontos, o S&P 500 avança 0,51% para 12.848,50 pontos e o Dow Jones valoriza 0,47% para 33.492,84 pontos.

Bolsa abre no ‘verde’ com Altri a liderar ganhos

O petróleo está a negociar em terreno misto com o brent a subir 0,07% para os 99,67 dólares e o crude quebra 0,06% para os 94,28 dólares.
Comentários