Bolsa de Lisboa no ‘verde’ em manhã positiva para os mercados europeus

A bolsa de Lisboa inicia a primeira sessão da semana no ‘verde’, com o PSI a subir 0,32% para 6.004,97 pontos, no que parece ser uma manhã positiva para a generalidade das praças europeias. 

A bolsa de Lisboa inicia a primeira sessão da semana no ‘verde’, com o PSI a subir 0,32% para 6.004,97 pontos, no que parece ser uma manhã positiva para a generalidade das praças europeias.

No sector energético, a Greenvolt ganha 1,20% para 1,20 euros e a Galp avança 0,43% para 10,41 euros; na família EDP, a holding valoriza 0,49% para 4,96 euros e a EDP Renováveis ganha 0,52% para 25,25 euros.

Na banca, o BCP ganha 1,39 % para 0,1535 euros.

As duas grandes retalhistas do índice português negoceiam em terreno positivo, com a Jerónimo Martins a subir 1,08% para 22,50 euros e a Sonae a avançar 0,56% para 0,9805 euros.

Os restantes mercados europeus negoceiam em terreno positivo: o alemão DAX ganha 0,75% para 13.186,48 pontos, o francês CAC avança 0,24% para 6.227,33 pontos e o espanhol IBEX valoriza 0,75% para 8.093,21 pontos. No Reino Unido, o FTSE ganha 0,52% para 8.093,21 pontos, a dez dias da reunião na qual será anunciada a decisão sobre a subida das taxas de juros, que foi adiada devido ao período de luto cumprido no país após a morte da Rainha Isabel II.

“Os mercados acionistas europeus arrancaram a semana em alta, prosseguindo o movimento de apetite pelo risco que está a ser impulsionado pela correção do dólar e dos preços do petróleo, que aliviam as expectativas para a evolução da inflação”, é sublinhado na nota diária “Morning Call” da BA&N Research Unit.

No mercado petrolífero, o barril de Brent (referência para a Europa), cai 0,57% para 92,31 dólares e o de crude perde 0,76% para 86,13 dólares.

No mercado cambial, o euro valoriza 1,06% para 1,0145 dólares.

Em atualização.

Recomendadas

OPEP+ deverá anunciar corte na produção de petróleo na próxima reunião

A Organização dos Países Exportadores de Petróleo e os seus aliados está a considerar um corte na produção de petróleo de mais de um milhão de barris por dia na quarta-feira, naquela que será a primeira reunião presencial desde o início da pandemia.

Cotação do barril Brent para entrega em novembro baixa para 87,96 dólares

A cotação do barril de petróleo Brent para entrega em novembro terminou esta sexta-feira no mercado de futuros de Londres em baixa de 0,73%, para os 87,96 dólares.

Wall Street encerra sessão com principais índices a perder mais de 1,50%

No momento de fecho o Dow Jones recua 1,71%para 28.725,84 pontos, o S&P 500 cede 1,51% para 3.585,40 pontos e o tecnológico Nasdaq desvaloriza 1,51% para 10.575,62 pontos. 
Comentários