Bolsa de Lisboa tomba mais de 1% numa Europa mergulhada no ‘vermelho’

Apenas três cotadas do PSI encerraram a semana no ‘verde’ num dia negativo também para a Europa.

A Bolsa de Lisboa (PSI) fechou a semana no ‘vermelho’, com uma descida 1,16%, para os 5.845,51 pontos e com a Semapa a liderar nas perdas.

A Semana fechou a tombar 2,81% para os 0,1442 euros, seguida dos CTT, que desceram 2,49% para os 3,13 euros, e da Jerónimo Martins, que recuou 2,04% para os 22,14 euros. O BCP também encerra a perder, desvalorizando 1,97% para os 0,1441 euros. A Galp registou uma quebra, de 1,95% para os 9,93 euros.

No verde fecharam três cotadas: a EDP valorizou 1,47% para os 4,97 euros, seguida da EDP Renováveis, que avançou 0,37% para os 24,41 euros, e da REN, avançando 0,20% para os 2,545 euros.

Lá fora, o sentimento também foi negativo, com as principais bolsas europeias a encerrar no ‘vermelho’. O DAX (Alemanha) decresceu 1,66%, o FTSE 100 (Reino Unido) desvalorizou 0,66%, o IBEX 35 (Espanha) desceu 1,27% e o CAC 40 (França) recuou 1,31%.

No mercado petrolífero, o brent está a avançar 1,28% para os 92,00 dólares e o crude está a valorizar 1,03% para os 85,98 dólares.

Quanto ao mercado cambial, o euro está a ter uma ligeira valorização de 0,03 face ao dólar, para os 1,0007 dólares.

Notícia em atualização

Recomendadas

Cotação do barril Brent para entrega em novembro baixa para 87,96 dólares

A cotação do barril de petróleo Brent para entrega em novembro terminou esta sexta-feira no mercado de futuros de Londres em baixa de 0,73%, para os 87,96 dólares.

Wall Street encerra sessão com principais índices a perder mais de 1,50%

No momento de fecho o Dow Jones recua 1,71%para 28.725,84 pontos, o S&P 500 cede 1,51% para 3.585,40 pontos e o tecnológico Nasdaq desvaloriza 1,51% para 10.575,62 pontos. 

PremiumAções com pior mês desde junho e pode não ficar por aqui

Libra em forte desvalorização e juros da dívida do Reino Unido disparam após polémico “mini-orçamento” de Liz Truss.
Comentários