Wall Street negoceia mista no início da sessão

A China retaliou hoje contra funcionários norte-americanos, não identificados, após Washington ter aprovado novas restrições na emissão de vistos para as autoridades chinesas, parte de um conflito mais alargado entre as duas maiores economias do mundo.

Wall Street | Spencer Platt/Getty Images

A bolsa de Wall Street negociava hoje mista no início da sessão, após a China ter retaliado contra os EUA, depois de Washington ter aprovado novas restrições na emissão de vistos para as autoridades chinesas.

Pelas 14:56 (hora de Lisboa), o índice Dow Jones cedia 0,45% para 30.008,53 pontos, enquanto o tecnológico Nasdaq ganhava 0,73% para 12.836,56 pontos.

Já o índice alargado S&P 500 fixava-se em 3.691,70 pontos, menos 0,08%.

A China retaliou hoje contra funcionários norte-americanos, não identificados, após Washington ter aprovado novas restrições na emissão de vistos para as autoridades chinesas, parte de um conflito mais alargado entre as duas maiores economias do mundo.

O Ministério dos Negócios Estrangeiros chinês também pediu ao Presidente dos EUA, Donald Trump, que não assine a legislação aprovada pelo Congresso norte-americano sobre o Tibete.

O Departamento de Estado norte-americano anunciou na segunda-feira que os EUA vão recusar emitir vistos a funcionários do Partido Comunista Chinês cujas políticas ou ações visassem reprimir grupos religiosos, minorias étnicas ou dissidentes.

“A China tomou contramedidas recíprocas contra indivíduos dos EUA que são os principais responsáveis pela recente interferência nos assuntos internos da China”, disse o porta-voz do Ministério dos Negócios Estrangeiros, Wang Wenbin.

Na segunda-feira, a bolsa nova-iorquina encerrou mista com o índice Dow Jones a subir 0,12%.

Recomendadas

A queda da libra e a bolsa brasileira. Veja os gráficos da semana no “Mercados em Ação”

Veja os destaques na rubrica “Gráficos da Semana”, da responsabilidade de Marco Silva, consultor de estratégia e investimento, no programa que contou com a análise de Nuno Sousa Pereira, Head of Investments da Sixty Degrees.

OPEP+ está a equacionar corte de produção de até 2 milhões de barris por dia

Reunião de hoje em Viena. A OPEP+ está a equacionar um corte de produção de até 2 milhões de barris por dia.

PSI mantém-se no ‘vermelho’ em linha com a generalidade das praças europeias

O sentimento negativo é transversal às restantes praças europeias. O alemão DAX cai 0,78% para 12.572,23 pontos, o britânico FTSE desce 0,98% para 7.017,90 pontos, o espanhol IBEX cai 1,45% para 7.584,62 pontos e o francês CAC perde 0,66% para 5.999,70 pontos. 
Comentários