Bolsa de Lisboa abre no verde. VW sobe em Frankfurt

 O PSI 20, principal índice da bolsa portuguesa segue a valorizar 1,41% para 4.965,45 pontos, recuperando das perdas da semana e em linha com as principais praças europeias, que registam ganhos na casa dos 2%. Na Bolsa de Frankfurt, os títulos da Volkswagen (VW), a braços com um escândalo de dimensões planetárias, avançam pela primeira […]


Notice: Undefined offset: 1 in /var/www/vhosts/jornaleconomico.pt/httpdocs/wp-includes/media.php on line 1031

Notice: Undefined offset: 2 in /var/www/vhosts/jornaleconomico.pt/httpdocs/wp-includes/media.php on line 1031

Notice: Undefined offset: 1 in /var/www/vhosts/jornaleconomico.pt/httpdocs/wp-includes/media.php on line 1031

Notice: Undefined offset: 2 in /var/www/vhosts/jornaleconomico.pt/httpdocs/wp-includes/media.php on line 1031

 O PSI 20, principal índice da bolsa portuguesa segue a valorizar 1,41% para 4.965,45 pontos, recuperando das perdas da semana e em linha com as principais praças europeias, que registam ganhos na casa dos 2%.

Na Bolsa de Frankfurt, os títulos da Volkswagen (VW), a braços com um escândalo de dimensões planetárias, avançam pela primeira vez em quatro sessões, valorizando mais de 4%.

Em Lisboa, a início da sessão, 14 títulos seguem em alta e os restantes quatro inalteradas.

Na sessão de hoje, destaque para o papel da Mota-Engil, que regista uma subida de 5,49% para 1,92 euros. A construtora, sobre a qual se especula que poderá estar a preparar a saída de bolsa da sua unidade africana, fechou ontem a caiar mais de 6%.

A contribuir para a recuperação do papel da Mota-Engil poderá estar a notícia da venda pela construtora e Novo Banco da empresa Tertir, um negócio na casa dos 150 milhões de euros.

Na banca, o destaque de hoje vai para o BCP, que sobe 2,64% para 4,27 cêntimos, para o BPI, que valoriza 1,75% para 93,1 cêntimos.

OJE

Recomendadas

PSI cai em linha com Europa. Greenvolt e BCP lideram perdas

Dos quinze títulos apenas três fecharam em alta em Lisboa. Lá fora, “o ambiente de contestação social que se vive na China, onde se intensificam os protestos contra a política de Covid zero, está a gerar desconforto aos investidores e que desta forma descontam o mesmo nas bolsas”, realça o analista da MTrader.

Lagarde avisa que taxas de juro vão continuar a subir

Dados da inflação na zona euro em novembro vão ser conhecidos esta semana. BCE reúne-se em meados de dezembro.

Wall Street começa semana em terreno negativo

O Dow Jones começou o dia em Wall Street a perder 0,23% para 34.269,38 pontos, o S&P 500 a ceder 0,59% para 4.002,33 pontos e o tecnológico Nasdaq a recuar 0,38% para 11.183,44 pontos.