Bolsas europeias em baixa, ao contrário de Walll Street

As principais bolsas europeias estam hoje em baixa, ao contrário da tendência registada em Wall Street, Nova Iorque, onde o Dow Jones terminou a subir para um novo máximo de sempre, pela quinta sessão consecutiva. Cerca das 09h00, o EuroStoxx 50, índice que representa as principais empresas da zona euro, estava em baixa, a descer […]

As principais bolsas europeias estam hoje em baixa, ao contrário da tendência registada em Wall Street, Nova Iorque, onde o Dow Jones terminou a subir para um novo máximo de sempre, pela quinta sessão consecutiva.

Cerca das 09h00, o EuroStoxx 50, índice que representa as principais empresas da zona euro, estava em baixa, a descer 0,93%, para 3.075,64 pontos.

As bolsas de Londres, Paris e Frankfurt estavam em baixa, a descer respetivamente 0,33%, 0,73% e 1,01%. No mesmo sentido, as bolsas de Madrid e de Milão estavam a cair 0,83% e 1,56%, respetivamente.

Depois de abrir em baixa, a Bolsa de Lisboa mantinha a tendência e, cerca das 09:00, o principal índice, o PSI20, estava a cair 0,95%, para 5.188,73 pontos.

Em Nova Iorque, Wall Street terminou em alta na terça-feira, com o Dow Jones a subir para um quinto máximo consecutivo. O Dow Jones terminou a subir 1,16%, para 17.614,90 pontos, um novo máximo de sempre desde que foi criado, há 128 anos.

OJE/Lusa

Recomendadas

PSI abre no ‘vermelho’ em linha com a Europa. BCP perde mais de 2%

Apenas duas cotadas estão em terreno positivo num dia negativo para as principais bolsas europeias. No mercado cambial, o euro valoriza 0,40% face ao dólar norte-americano para os 0,9550 dólares.

Topo da Agenda: o que não pode perder nos mercados e na economia esta quarta-feira

O INE divulga hoje as estatísticas de rendas da habitação ao nível local no segundo trimestre do ano, os inquéritos de conjuntura às empresas e aos consumidores deste mês e ainda as estimativas mensais de emprego e desemprego referentes ao mês de agosto. Nos EUA, faz-se inventário ao crude, aos destilados e aos combustíveis.

Wall Street com mais um dia para esquecer

A perspectiva de manutenção das taxas de juro em alta pelos próximos (muitos) meses não dá tréguas aos investidores do mercado de capitais, que continuam a assistir ao afundamentos dos principais índices da praça norte-americana.