Bolsas europeias sobem com fim do programa de estímulos da Fed

As principais bolsas europeias seguem em alta, à exceção de Londres, com os investidores a reagirem positivamente ao anúncio da Reserva Federal norte-americana (Fed) de terminar com o programa de estímulos. Cerca das 08h30 em Lisboa, o EuroStoxx 50, o índice que representa as principais empresas da zona euro, estava em alta de 0,71% para […]

As principais bolsas europeias seguem em alta, à exceção de Londres, com os investidores a reagirem positivamente ao anúncio da Reserva Federal norte-americana (Fed) de terminar com o programa de estímulos.

Cerca das 08h30 em Lisboa, o EuroStoxx 50, o índice que representa as principais empresas da zona euro, estava em alta de 0,71% para 3.043,52 pontos.

As principais bolsas europeias seguem a negociar em terreno positivo, entre os ganhos de 0,49% de Madrid e os de 0,89% de Milão.

A única exceção era Londres, que seguia a negociar ligeiramente em baixa, a recuar 0,06%.

Em Lisboa, o PSI20 contrariava igualmente a tendência das praças europeias e seguia a perder 0,83% para 5.151,17 pontos.

O banco central dos Estados Unidos anunciou na quarta-feira o fim do programa de apoio monetário que tem dado à economia norte-americana e disse também que as taxas de juro ficam inalteradas e próximas de zero.

O comité de política monetária da Reserva Federal (Fed), que cita “sólidos avanços” no mercado laboral, vai cessar, como era esperado, as injeções de liquidez.

O banco central norte-americano promete também manter as taxas de juro próximas de zero durante “um período considerável”, mas acrescenta que se os progressos na inflação e no emprego forem mais rápidos, poderá haver uma primeira subida antes do esperado.

OJE/Lusa

Recomendadas

Wall Street com mais um dia para esquecer

A perspectiva de manutenção das taxas de juro em alta pelos próximos (muitos) meses não dá tréguas aos investidores do mercado de capitais, que continuam a assistir ao afundamentos dos principais índices da praça norte-americana.

Bitcoin alcança valor mais alto em uma semana e ultrapassa os 20 mil dólares

A criptomoeda subiu 5% esta terça-feira, acompanhada pela Ethereum, que subiu 4%, num dia de subidas generalizadas entre as criptomoedas.

Bolsa de Lisboa fecha em terreno positivo com Europa no ‘vermelho’

As cotadas da família EDP foram as únicas a terminar o dia em terreno negativo, com a EDP a perder 1,28%, nos 4,55 euros, e a EDP Renováveis a cair 0,92% para os 21,43 euros.