BPI e FCT financiam 20 projetos e nove ideias para o desenvolvimento sustentável no Interior

A edição de 2022 do Programa Promove, uma iniciativa da Fundação “la Caixa”, em colaboração com o BPI e em parceria com a Fundação para a Ciência e a Tecnologia (FCT), concedeu apoios a fundo perdido de perto de 3,6 milhões a um total de 20 projetos e nove ideias destinados a impulsionar o desenvolvimento sustentável de regiões do interior de Portugal.

Cristina Bernardo

Chama-se Programa Promove, a iniciativa da Fundação “la Caixa” em colaboração com o BPI e a Fundação para a Ciência e a Tecnologia (FCT), e mobiliza perto de 3,6 milhões de euros, a fundo perdido, para apoio a 20 projetos de investigação e inovação e nove ideias inovadoras centrados na gestão de recursos naturais, fomento de novos polos de desenvolvimento e atração de turistas e novos residentes.

Em quatro edições, o Programa Promove já apoiou 46 projetos e 22 ideias inovadoras, no valor total de perto de 7,6 milhões de euros. Deste montante, 2,5 milhões foram assegurados pela FCT ao abrigo do acordo de financiamento conjunto através do qual, desde 2021, a FCT iguala a contribuição da Fundação “la Caixa”.

“A edição de 2022 do Programa Promove, uma iniciativa da Fundação “la Caixa”, em colaboração com o BPI e em parceria com a Fundação para a Ciência e a Tecnologia (FCT), concedeu apoios a fundo perdido de perto de 3,6 milhões de euros a um total de 20 projetos e 9 ideias destinados a impulsionar o desenvolvimento sustentável de regiões do interior de Portugal”, lê-se no comunicado.

Da lista dos vencedores da 4ª edição do Programa Promove fazem parte sete projetos de Investigação e Desenvolvimento (I&D) mobilizadores; 13 projetos-piloto e nove ideias inovadoras centrados na gestão de recursos naturais, fomento de novos polos de desenvolvimento e atração de turistas e novos residentes.

Os projetos apoiados repartem-se entre as regiões do interior norte, centro e sul  do país. Na vertente de ideias, o norte representa mais de metade das equipas de estudantes selecionadas, com as restantes repartidas pelo centro e sul.

“Os projetos I&D mobilizadores selecionados estão enquadrados em domínios estratégicos identificados pelo Governo português para o desenvolvimento do interior, nomeadamente: parques e reservas naturais, estudos sobre riscos biológicos e promoção de novas culturas e produtos naturais”, avança o comunicado.

Na mesma nota o BPI detalha que “em quatro edições, o Programa Promove já apoiou 46 projetos e 22 ideias inovadoras, num valor total de perto de 7,6 milhões de euros. Deste montante, 2,5 milhões foram assegurados pela FCT ao abrigo de um acordo de financiamento conjunto (matching funds), através do qual, desde 2021, a FCT iguala a contribuição da Fundação la Caixa”.

Fundação la Caixa destina 40 milhões de euros para projetos sociais, de investigação, educativos e de divulgação cultural e científica em 2022. A Fundação mantém o seu compromisso de alcançar um investimento de até 50 milhões de euros anuais nos próximos anos, quando todos os seus programas estiverem implementados e a funcionar em pleno.

 

Recomendadas

BPI eleito “Banco do Ano 2022” pela revista The Banker

“O BPI tem a liquidez e o capital para continuar a apoiar a economia, a transição para a descarbonização, sem nunca esquecer o nosso compromisso com a banca responsável, num ambiente económico que requer um apoio especial aos mais vulneráveis”, refere o CEO.

Rauva diz mais de 5 mil trabalhadores independentes e empresas estão descontentes com o processo de abertura de contas

O mesmo estudo revela que “dois em cada três dos inquiridos afirmam que não é fácil abrir uma conta bancária em Portugal e cerca de metade espera mais do que um dia para a conta estar disponível”.

Sindicatos põem bancos a negociar com Governo a inclusão dos reformados no “pacote” para mitigar inflação

“Os bancos concordaram com a viabilidade da sugestão dos sindicatos, tendo-se comprometido a apresentá-la ao Governo”, avançam as estruturas sindicais da UGT.
Comentários