Brasil. Cinco estados concentram quase dois terços do PIB

Para atingir quase dois terços do Produto Interno Bruto (PIB) brasileiro em 2014 basta uma ronda por cinco Estados. Esta é uma das conclusões que é possível obter através dos dados das Contas Regionais do Brasil divulgados no início desta semana.

São Paulo, Reio de Janeiro, Minas Gerais, Rio Grande do Sul e Paraná: juntos, estes cinco estados brasileiros concentraram 65% do PIB brasileiro em 2014, de acordo com dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

São Paulo manteve a liderança na participação do PIB, com uma fatia de 32,2% de toda a economia brasileira, a mesma percentagem alcançada em 2013.

Os restantes Estados com maior participação foram o Rio de Janeiro (com 11,6%), Minas Gerais (com 8,9%), Rio Grande do Sul (com 6,2%) e Paraná (com 6%). Juntos, os cinco Estados responderam por 64,9% do PIB.

Recomendadas

Bruxelas quer que plataformas passem a cobrar IVA para evitar concorrência desleal

De acordo com as atuais regras de IVA, são os próprios prestadores de serviço – sejam motoristas ou donos de alojamento local – que são obrigados a coletar o IVA e a remiti-lo para as autoridades tributárias do seu país.

UE dá luz verde a entrada de Croácia no espaço Schengen

Com esta aprovação, pelos ministros dos Assuntos Internos da UE, seguindo a recomendação da Comissão Europeia de 16 de novembro, a Croácia deixará de ter fronteiras internas com os outros países do espaço Schengen.

Trabalhadores do MNE português no Brasil vão ter atualização salarial de 48,9%

Os trabalhadores nos postos consulares e missões diplomáticas no Brasil vão ter as suas remunerações atualizadas em 48,9%, a mesma percentagem da depreciação monetária acumulada do real, segundo legislação publicada em Diário da República.
Comentários