Brasil: Défice de 11,1 milhões de euros em novembro

O último mês foi o pior novembro em 20 anos para o Estado brasileiro, com o défice a atingir máximos históricos.

Se em novembro de 2015, o défice brasileiro era de 6,1 mil milhões de euros, os dados lançados pelo Tesouro Nacional brasileiro, mostram que no último mês aumentou para 11,1 mil milhões de euros.

No período entre janeiro e novembro, o Brasil registou um défice de 27,4 mil milhões de euros, naquele que se insurge como o pior cenário da série histórica para este período.

Os resultados negativos devem-se sobretudo a um aumento de 4,8 milhões da despesa total, segundo o relatório do Tesouro Nacional brasileiro.

Relacionadas

Economistas brasileiros esperam menor crescimento e abrandamento da inflação em 2017

As previsões para a economia do Brasil foram revistos em baixa pela ‘poll’ de especialistas ouvidos pelo banco central.

Michael Temer quer recuperar confiança do exterior no Brasil

O Presidente do Brasil, Michael Temer, defende uma política externa presidencialista que consiga reconquistar a confiança internacional no país.
Recomendadas

Patrões vão ter majoração em 50% dos custos com aumentos salariais no IRC

No âmbito do acordo de rendimentos, o Governo decidiu propor aos parceiros sociais uma majoração em 50% dos custos com a valorização salarial em IRC. Patrões têm reclamado, note-se, medidas mais transversais.

Governo propõe reforço do IRS Jovem. Isenção sobe para 50% no primeiro ano

Jovens vão passar a ter um desconto fiscal maior, no início da sua carreira. IRS Jovem passará a prever uma isenção de 50%, em vez de 30%, no primeiro ano.

Governo quer atualizar os escalões do IRS em 5,1% em 2023

O Governo decidiu rever em alta o referencial dos aumentos salariais, puxando-o para o valor do aumento da massa salarial da Função Pública: 5,1%. Será esse o número que será usado para atualizar os escalões do IRS.
Comentários