Buscas na Câmara de Setúbal relacionadas com urbanismo em processo sem arguidos (com áudio)

As buscas realizadas hoje de manhã na Câmara de Setúbal incidiram sobre “processos de contratação pública na área do urbanismo”, revelou a autarquia, tendo a Polícia Judiciária (PJ) adiantado que não há para já arguidos constituídos.

Mário Cruz/Lusa

Numa nota, a Câmara de Setúbal, presidida por André Martins (CDU), admite que os seus serviços foram alvo de buscas pela PJ “em processos relacionados com contratação pública na área do urbanismo”.

“A Câmara Municipal está a dar toda a colaboração à PJ e dará todos os esclarecimentos necessários solicitados pelas autoridades competentes”, acrescenta a autarquia.

Na nota, a câmara sadina remete ainda mais esclarecimentos para as autoridades policiais.

Em declarações à agência Lusa, o diretor da PJ de Setúbal, João Bugia, disse que foram apreendidos vários documentos na sequência destas buscas e que o processo em causa não tem arguidos constituídos para já.

As buscas à Câmara de Setúbal terminaram ao fim da manhã, tendo os inspetores da PJ abandonado os Paços do Concelho pelas 12:45.

Hoje de manhã, fonte oficial daquela autarquia tinha adiantado à Lusa que a PJ estava a fazer buscas no edifício dos Paços do Concelho relacionadas com “processos de contratação pública”.

No entanto, escusou-se a revelar pormenores sobre os processos de contratação pública que estarão sob investigação do Ministério Público.

Recomendadas

Tribunal emite mandado de captura de empresário alemão acusado de prostituição de menores

Segundo uma nota na página do Ministério Público (MP) da Comarca de Lisboa – sem citar o nome, mas indicando o número do processo que foi atribuído ao caso do arguido conhecido como “Rei dos Aspiradores” -, o juiz de instrução confirmou a acusação do Departamento de Investigação e Ação Penal (DIAP) de Lisboa. Schmelz vai responder por 21 crimes de recurso à prostituição de menores agravado e cinco crimes de aliciamento de menores para fins sexuais.

Novo fôlego em Belém, o sufoco do costume em São Bento. Ouça o podcast “Maquiavel para Principiantes”

“Maquiavel para Principiantes”, o podcast semanal do JE da autoria do especialista em comunicação e cronista do “Jornal Económico”, Rui Calafate, pode ser ouvido em plataformas multimédia como Apple Podcasts e Spotify.

Revista de imprensa nacional: as notícias que estão a marcar esta quarta-feira

Há entre 660 e 680 mil portugueses a viver em pobreza energética severa; TAP paga oito milhões para travar greve e promete bónus por acordo de empresa; Megaprocesso leva a PJ de novo à Câmara de Lisboa.
Comentários