Caixa negra do avião russo encontrada no Mar Negro

O avião, que tinha como destino Latakia, na Síria, despenhou-se na madrugada do dia de Natal no Mar Negro. Fontes governamentais acreditam ter-se tratado de uma falha técnica ou erro humano.

REUTERS/Yevgeny Reutov

Foi encontrada a primeira caixa negra do avião militar russo que se despenhou no Mar Negro na madrugada do dia de Natal. As autoridades estão ainda no terreno, onde decorrem buscas para recolher destroços bem como os corpos das restantes vítimas.

Segundo avança a BBC, a caixa negra foi encontrada às 5h42 locais (2h42 em Portugal) hoje, a 1.600 metros da costa, no Mar Negro, a uma profundidade de 17 metros. A caixa vai ser enviada para Moscovo para ser analisada.

O avião desapareceu dos radares cerca de dois minutos depois de ter descolado no aeroporto de Sochi, na Rússia, onde tinha aterrado para reabastecimento. O avião tinha como destino Latakia, na Síria. Fontes governamentais russas acreditam que o avião Tupolev-154 se terá despenhado devido a uma falha técnica ou erro humano.

A bordo seguiam 92 pessoas, entre as quais 64 membros do famoso coro de música militar Alexandrov, bem como a ativista humanitária russa, Yelizaveta Glinka, conhecida como Dra. Liza, nove jornalistas e um médico. Nenhum passageiro sobreviveu.

No local, mais de 3.000 pessoas participam nas investigações às causas do acidente, acompanhados por 32 navios e 100 mergulhadores. Segundo um relatório não oficial, revelado esta terça-feira, foram encontrados até agora 16 corpos.

Relacionadas

Queda de avião russo foi causada por erro humano ou técnico, não terrorismo

As operações de busca ainda não terminaram e contam com mais de 3,000 pessoas e 32 navios.

Putin declara dia de luto nacional na Rússia para amanhã

Acidente envolveu 92 pessoas. Autoridades russas apontam para falha técnica.

Aviões russos continuam a cair

Este é o terceiro acidente com aviões russos entre o Mar Negro eo Mar Mediterrâneo em pouco mais de dois anos, numa altura em que o regime de Moscovo intensifica o seu apoio militar ao regime sírio de Hafez Al Assad.

Queda de avião militar russo mata 92, incluindo dezenas de músicos do coro do exército

O aparelho despenhou-se no Mar Vermelho e não há sobreviventes. Entre as vítimas estão cantores, dançarinos e músicos que iam actuar numa festa de passagem de ano na Síria.
Recomendadas

Itália: Velha guarda da Liga Norte pede cabeça de Salvini após revés

A velha guarda da Liga Norte, transformada em Liga com Matteo Salvini como líder, criticou-o duramente após o revés nas legislativas de domingo.

Agência de Energia e Irão retomam contacto em Viena

O diretor da Agência Internacional de Energia Atómica (AIEA), Rafael Grossi, reuniu-se com o chefe do programa nuclear iraniano, Mohammad Eslami, para retomar os contactos e esclarecimentos.

São Tomé: CPLP diz que comissão eleitoral é soberana na divulgação de resultados

O chefe da missão de observação eleitoral da CPLP, o embaixador Rafael Vidal, disse que a lei são-tomense não obriga à divulgação dos resultados provisórios antes da contagem nos distritos.
Comentários