Simulador: Calcule ao cêntimo quanto leva para casa no final do mês

A Adecco, liderada em Portugal por Carla Rebelo, desenvolveu um simulador que torna acessível todos os detalhes do processamento salarial. Pode ser usada pelo trabalhador de qualquer empresa de Trabalho Temporário. Exportações estão a impulsionar emprego.

Num contexto marcado pelo aumento da atividade empresarial e de queda do desemprego, António, de 35 anos, residente em Alverca, consegue, finalmente, arranjar um contrato, embora em regime de trabalho temporário. Foi contactado pela Adecco para se juntar a um cliente – uma empresa de referência na área da zona metropolitana de Lisboa. Oferecem-lhe 700 euros brutos de vencimento. Na área da logística, em Lisboa, esse é o valor normal, mas o que António quer mesmo é saber quanto vai levar para casa no final do mês. Limpos. Os cálculos até ao último cêntimo que, a bem dizer, só a entidade patronal conseguia fazer, podem, desde ontem, ser efetuados por qualquer trabalhador. A empresa de recursos humanos Adecco criou um simulador de vencimento online, que permite a candidatos e profissionais em regime de trabalho temporário conhecer o valor do salário líquido que irão receber no final de cada mês de trabalho.

Ao simulador acede-se através do site da Adecco. António não perde tempo, pega no telemóvel e clica. Entre os dados que lhe são pedidos figuram o rendimento bruto – 700 euros – e o valor do subsídio de refeição – 6 euros. Também se lhe pergunta como quer receber os subsídios de férias e de Natal. O trabalhador temporário, como qualquer outro trabalhador, pode optar por receber os subsídios em regime de duodécimos (metade do vencimento distribuído pelos 12 meses do ano e os restantes 50% pagos nas alturas devidas). Em Portugal, o regime de duodécimos é prática desde 2013. Tal como a maior parte dos portugueses, o António também vai querer receber aos pinguinhos.

Inseridos os dados no simulador, o cálculo demora uma fração de segundo. No ecrã surgem, de imediato, as parcelas correspondentes aos abonos e aos descontos, evidenciando o vencimento líquido. O António fica, assim, a saber que todos os meses vai receber o exato valor de 767,34 euros.

“O que procuramos é desmistificar as questões sobre o trabalho temporário, tornando acessível todos os detalhes implicados no processamento salarial deste processo de contratação”, explica Carla Rebelo, diretora geral da Adecco Portugal ao Jornal Económico. Acrescenta ser intenção da empresa “contribuir para um mercado de trabalho mais esclarecido e, assim, contribuir para um Portugal melhor”.

O simulador é uma plataforma informática desenvolvida de raiz pela Adecco, que pode ser usada por toda a gente. No formulário que antecede o cálculo nunca se pergunta quem é a entidade patronal. “A lei é só uma e toda a gente tem de a cumprir”, realça Carla Rebelo. O trabalho temporário é regulado pelo Código do Trabalho (a partir do artigo 172 até ao 192) e o exercício da atividade requer alvará, concedido pelo IEFP.

A Adecco, gigante de matriz suíça que, em 2016, colocou no mundo cerca de 700 mil trabalhadores, está nesta atividade em Portugal desde 1989. No ano passado encontrou emprego para 20 mil pessoas, só em regime de trabalho temporário e outsourcing. Além destas duas áreas, também atua no mercado de recrutamento e seleção através da marca Spring.

“Assistimos ao crescimento de dois dígitos em todas as áreas da empresa, sendo que o trabalho temporário ligado ao setor das exportações está a alavancar os resultados dos dois últimos trimestres”, avança Carla Rebelo.Todo o crescimento que se verifica na logística e na área da armazenagem está fortemente ligado às exportações e salienta que, em termos de perfis, “vimos mais procura nas áreas da logística, armazéns, produção, retalho e até serviços.”

O simulador esclarece igualmente os trabalhadores sobre os créditos que lhes são devidos por mês e que receberá nas devidas alturas, como, por exemplo, os subsídios de férias e Natal e o complemento de precariedade no emprego. Outra área pouco conhecida são os direitos e deveres quanto a avisos prévios. O detalhe está nas perguntas frequentes do simulador a que o António pode recorrer.

AAdecco tem 17 agências abertas em Portugal, de Valença a Faro, com perspetivas de expansão, revela Carla Rebelo ao Jornal Económico. “A forma de trabalhar da Adecco é estar próxima dos candidatos e dos clientes e conhecer em profundidade os mercados de recrutamento locais, e com isto contribuir para a definição da estratégia quanto à força de trabalho dos nossos clientes.” Expansão, proximidade e acompanhamento são palavras-chave.

Recomendadas

Como receber os 125 euros? O que são metadados? O que os portugueses mais pesquisaram no Google em 2022

Os internautas também mostraram curiosidade sobre o Mundial 2022, Putin, em que consiste o distúrbio de Bruce Willis ou que é aquamado, o método funerário mais amigo do ambiente que está a ser utilizado como alternativa à cremação.

Comissão por amortização antecipada no crédito à habitação: saiba o que é e como funciona

Se está à procura de alternativas será aconselhável pedir soluções ao seu banco, mas também consultar o mercado e avaliar ofertas alternativas.

O que é o spread no crédito à habitação e como saber se está adequado? Saiba aqui

Para quem contratou crédito à habitação há mais de dez anos é possível que esteja a pagar um spread elevado, se comparado com o atualmente praticado no mercado. Atualmente há ofertas bancárias com spreads abaixo de 1% no crédito à habitação, com bancos a oferecer spreads de 0,85%.
Comentários