Câmara de Lisboa deu apoio de 350 mil euros a empresa do filho de Sérgio Figueiredo

A autarquia então liderada por Fernando Medina terá atribuido um apoio de 350 mil euros a um evento organizado pelo filho de Sérgio Figueiredo, que na altura era director da TVI. O canal de televisão, onde Medina era comentador a convite de Sérgio Figueiredo, foi parceiro do evento e recebeu um valor “considerável”, avança o NOVO Semanário.

A Câmara Municipal de Lisboa (CML) terá atribuído, no anterior mandato, um apoio no valor de 350 mil euros a uma das empresas de Sérgio Jacob Ribeiro, filho de Sérgio Figueiredo, avança esta sexta-feira o NOVO Semanário.

O filho do ex-diretor de informação da TVI terá recebido a soma para a realização do Planetiers World Gathering 2020, um evento global focado na sustentabilidade, numa altura em que a autarquia era liderada por Fernando Medina (PS).

À data, Medina era já comentador da TVI24, função pela qual foi remunerado e que desempanhava a convite de Sérgio Figueiredo. A TVI chegou mesmo a ser ‘media partner’ do evento organizado pela empresa do filho do então diretor de informação, tendo recebido um valor “considerável” por parte da Planetiers, como confirmou o próprio ao NOVO. Esse valor não foi, contudo, revelado.

Ao longo de 2020, a TVI promoveu não só o evento mas também a própria empresa – Planetiers Eventos, Marketing e Comunicação, Lda. -, que é detida a 100% pela Planetiers New Generation, liderada por Sérgio Jacob Ribeiro (com uma participação de 33, 34%).

O evento organizado pelo filho de Sérgio Figueiredo recebeu também o apoio de outras entidades, nomeadamente do Turismo de Portugal, que alocou um milhão de euros à Planetiers. Outra entidade, segundo o NOVO, terá apoiado o evento com cerca de 500 mil euros.

A segunda edição do Planetiers World Gathering tem data marcada para outubro deste ano, mas a CML, já sob liderança de Carlos Moedas, confirmou ao jornal que não tem “contratualizada qualquer transferência de verba ou subvenção (…) para o evento em causa no ano de 2022”.

Questionado pelo NOVO sobre uma eventual ligação de Medina ao processo, o líder da Planetiers diz que o apoio estava relacionado com o programa Lisboa Capital Verde Europeia 2020, “liderado pelo vereador em atividade, José Sá Fernandes”. O filho de Sérgio Figueiredo diz ainda que a verba destinava-se a apoiar “um dos maiores eventos previstos para aquele ano, e que acabou por ser o único grande evento que realmente decorreu associado à agenda da Capital Verde”, como se pode ler na edição impressa do semanário.

A notícia pode ser lida na íntegra na edição impressa do NOVO que irá para as bancas, este sábado, dia 20 de agosto.

Recomendadas

JE Podcast: Ouça aqui as notícias mais importantes desta segunda-feira

Da economia à política, das empresas aos mercados, ouça aqui as principais notícias que marcam o dia informativo desta segunda-feira.

“Está a ser trabalhada solução para a Linha do Tua”, diz Pedro Nuno Santos

O ministro das Infraestruturas, Pedro Nuno Santos, disse, esta segunda-feira, que se está a trabalhar para encontrar uma solução para viabilizar a Linha do Tua, onde se mantém um impasse na concretização do plano de mobilidade.

Brasil. Maioria dos partidos portugueses espera uma vitória de Lula

PS, BE e PCP demonstram apoio claro a Lula da Silva, que alcançou 48,4% dos votos na primeira volta das eleições no Brasil. Por sua vez, o Chega está do lado de Jair Bolsonaro.
Comentários