Câmara do Funchal destaca aposta na cultura através de parcerias entre público e privado

A autarquia salienta que quer tornar a cultura acessível a todos os estratos sociais e que a aposta feita no setor passa por ter “uma cidade diferente, com mais vida, mais movimento, com mais gente nas ruas, com mais espetáculos”.

O presidente da Câmara do Funchal, Pedro Calado, destacou a aposta que tem sido feita pela autarquia na cultura, e salientou a importância da existência de parcerias entre público e privado, durante a apresentação dos concertos de Elisa Silva e de Teresa Salgueiro, que se vão realizar a 9 e 10 de junho, no Teatro Municipal Baltazar Dias.

O autarca lembrou a dimensão da região, acrescentando que isso coloca “um problema de escala” na realização de espetáculos com grandes nomes, e destacou o apoio dado pela NOS e pelos Grupo Porto Bay e Grupo Savoy.

Pedro Calado referiu “a grande aposta cultural” que tem sido feita pela autarquia, através da requalificação das estruturas municipais, onde incluiu o auditório do Jardim Municipal, fazendo com que o espaço possua “condições fantásticas” para concertos ao ar livre.

O autarca salientou também o caso do auditório do Centro Cultural e de Investigação do Funchal, situado no antigo Matadouro, cuja dimensão permitirá a realização de espetáculos com cerca de 600 espectadores.

“Numa cidade como a nossa, onde estamos a apostar muito na juventude, queremos tornar a cultura acessível a todos os estratos sociais, desde pessoas com mais possibilidade financeiras, a pessoas com menos possibilidades financeira, a cultura tem de ser abrangente e de chegar a todos de igual forma”, disse Pedro Calado.

O autarca referiu que o objetivo da aposta, na cultura, pela autarquia, passa por ter “uma cidade diferente, com mais vida, mais movimento, com mais gente nas ruas, com mais espetáculos”.

Recomendadas

Universidade da Madeira acolhe evento sobre empreendedorismo no ensino superior das regiões ultraperiféricas

O projeto INCORE tem duração de dois anos e é financiado pela União Europeia, através do European Institute of Innovation & Technology (EIT), no valor de um milhão e duzentos mil euros.

Madeira soma 41 acidentes de viação numa semana

Estes acidentes resultaram em dois feridos graves, um na Ribeira Brava e outro em Santa Cruz.

Câmara do Funchal: Instalação de 15 colmeias para projeto de apicultura já recolheu 60 quilos de mel

A autarquia refere que o objetivo do projeto passa por “contribuir para o fomento da biodiversidade do Parque Ecológico, para a preservação da abelha e para a divulgação da atividade como referência para a sustentabilidade dos ecossistemas florestais”.
Comentários