Câmara do Funchal investe 1,3 milhões de euros para melhorar 70 habitações no Palheiro Ferreiro

Esta recuperação consiste na substituição de vidros, caixilharia de alumínio e cobertura térmica dos edifícios. Segundo o autarca, as casas vão ficar mais isoladas com estas obras, garantindo assim mais qualidade de vida, quer no período de inverno, quer no período de verão.

A Câmara Municipal do Funchal aprovou esta quarta-feira, 22 de dezembro, por unanimidade a adjudicação da empreitada de eficiência energética em 70 fogos de habitação social, no Palheiro Ferreiro, num investimento global de 1,3 milhões de euros. O anúncio foi feito pelo presidente da autarquia, Pedro Calado, no final da reunião do executivo municipal.

As obras vão ser realizadas em três lotes e devem decorrer entre seis meses a um ano.

Esta recuperação consiste na substituição de vidros, caixilharia de alumínio e cobertura térmica dos edifícios. Segundo o autarca, as casas vão ficar mais isoladas com estas obras, garantindo assim mais qualidade de vida, quer no período de inverno, quer no período de verão.

Outra deliberação saída desta reunião prende-se com a prorrogação por mais dez dias da aceitação de propostas por parte do consórcio bancário que vai fazer o financiamento dos três milhões de euros na parte correspondente ao município do Funchal para o inicio das obras da ETAR-Estação de Tratamento de Águas Residuais. A obra tem início previsto no segundo semestre do próximo ano, com prazo de execução de 18 meses para que possa estar concluída nesta fase até final de 2023.

Pedro Calado destaca que trata-se de um projeto muito grande, dividido em duas fases. Uma já teve início e envolve cerca de cinco milhões de euros. O projeto global é de 19 milhões de euros, dos quais cerca de 12,4 milhões terão financiamento do programa comunitário POSEUR, em cerca de 65%.

Cerca de quatro milhões, ou seja, 20 % deste montante, são financiados pela própria Câmara e depois terão uma comparticipação do Governo Regional de três milhões de euros. Esta componente da Câmara é feita com recursos à utilização do empréstimo bancário que já foi solicitado a vários consórcios.

O presidente do município refere que, atendendo a esta altura do ano, os conselhos de administração pediram mais dez dias para o prazo de apresentação de propostas. “Damos até 10 de janeiro data limite de entrega dessas propostas para termos tudo pronto e iniciar a obra antes do final do primeiro semestre de 2022”, refere Pedro Calado.

Recomendadas

Madeira regista 54 acidentes de viação no espaço de uma semana

No total houve 21 feridos ligeiros: oito no Funchal, três em Santa Cruz e Câmara de Lobos, dois na Ribeira Brava, na Ponta do Sol e em Machico e um em Santana. Houve também dois feridos graves no Funchal.

Câmara do Funchal lança campanha gratuita de recolha de “monstros”

O Município justifica a importância desta campanha, dado o aumento da produção de resíduos na quadra natalícia que se avizinha e de forma a garantir uma maior proximidade com a população. Os munícipes deverão contactar as respetivas Juntas de Freguesias para a devida inscrição, de modo a solicitar a recolha dos “monstros” na sua residência.

Madeira: Movimento de passageiros nos aeroportos ficaram a mais de 30% acima dos valores de 2019

Entre janeiro e setembro de 2022, o movimento de passageiros nos aeroportos da RAM foi de aproximadamente 3.062,5 mil, significando um acréscimo homólogo de 134% e de 17% face aos valores registados nos primeiros nove meses de 2019. 
Comentários