Candidaturas para apoios a empresas na área do espaço abertas até dia 23

O programa ESA Business Incubation Centre (ESA BIC), coordenado pelo Instituto Pedro Nunes (IPN), em Coimbra, abriu as candidaturas para a ‘open call’ que visa incubar e apoiar empresas na área do espaço.

As candidaturas, de acordo com o instituto sediado em Coimbra, estão abertas em https://space.ipn.pt/esa/esa-business-incubation-centre/ até dia 23.

A ‘open call’, promovida pelo ESA BIC Portugal, é dirigida a empreendedores, ‘startups’, pequenas e medias empresas (PME) até cinco anos, investigadores e estudantes, que queiram “criar ou impulsionar os seus negócios”.

“Esta iniciativa oferece a oportunidade de incubar empresas no ESA BIC Portugal, permitindo alavancar ideias de negócio e ‘startups’ que utilizem dados e tecnologias espaciais”, lê-se na nota de imprensa enviada à agência Lusa.

Os candidatos, nesta edição, podem escolher entre os 14 parceiros de incubação e selecionar uma de duas possibilidades de financiamento.

Trata-se de uma bolsa de 50 mil euros ou de um apoio alargado até 125 mil euros, disponibilizados em parceria com a Portugal Ventures.

A ESA BIC Portugal é coordenada pelo Instituto Pedro Nunes (IPN) e é o centro de incubação de empresas da Agência Espacial Europeia (ESA) em Portugal.

De acordo com a nota de imprensa, o ESA BIC Portugal, desde 2014, já apoiou “46 startups, que foram responsáveis pela criação de mais de 150 postos de trabalho”.

A ESA BIC Portugal ‘open call’ tem o apoio da ESA Space Solutions, da Agência Espacial Portuguesa e da Autoridade Nacional de Comunicações (ANACOM), em parceria com a Portugal Capital Ventures – Sociedade de Capital de Risco.

Recomendadas

Alemanha reitera apoio a gasoduto nos Pirinéus e diz que França não excluiu projeto

O chanceler alemão destacou que este projeto tem uma perspetiva de longo prazo e que, para além do transporte de gás no imediato, servirá para fornecer outras energias, como hidrogénio, no futuro.

“Nova atitude da TAP perante os gastos terá de abranger também os pilotos”, desafia SPAC

Sindicato dos Pilotos diz que “enquanto uns têm cortes brutais no seus vencimentos” e ainda há “processos de despedimento em curso”, renova-se o parque automóvel dos cargos de direção “com 79 viaturas”.

TAP diz que renovação da frota automóvel permite poupar anualmente 630 mil euros

A TAP diz que a opção de comprar 50 BMWs representa uma poupança superior a 20% do valor mensal da renda e tributação, relativamente a novos contratos de renting e está em linha com o plano de reestruturação.
Comentários