CAP saúda prolongamento da totalidade das medidas agroambientais em 2020

Segundo a CAP, o anúncio feito esta tarde pela ministra da Agricultura, permite “uma transição entre o atual e o próximo período de programação”.

“A CAP – Confederação dos Agricultores de Portugal manifesta a sua satisfação pelo empenho determinado da Ministra da Agricultura, Maria do Céu Albuquerque, na resolução de um impasse que impunha ao sector agrícola cortes na ordem dos 20 milhões de euros”, destaca um comunicado deste parceiro social, acrescentando que a organização se congratula “com a garantia dada esta segunda-feira pela Ministra da Agricultura, Maria do Céu Albuquerque, de que as medidas agroambientais serão totalmente apoiadas pelo Programa de Desenvolvimento Rural no próximo ano”.

De acordo com esta nota informativa, o anúncio do prolongamento da “totalidade das medidas agroambientais em 2020”, que permite “uma transição entre o atual e o próximo período de programação”, foi feito esta tarde (dia 16 de dezembro) pela ministra da Agricultura, no âmbito da sua participação no Conselho Europeu de Agricultura e Pescas, em Bruxelas, que discute o pacote de reforma da Política Agrícola Comum (PAC) após 2020.

“Pela importância que estas medidas assumem para a agricultura e para os agricultores portugueses, uma vez que apoiam práticas agrícolas que asseguram a sustentabilidade e o equilíbrio dos ecossistemas naturais, sobretudo em zonas mais desfavorecidas e de pequena propriedade, a CAP manifesta assim a sua enorme satisfação pela decisão anunciada e pelo empenho determinado da ministra da Agricultura na resolução de um problema que impunha ao sector agrícola um corte na ordem dos 20 milhões de euros em 2020”, destaca o referido comunicado.

Nesta nota informativa, “a CAP reitera, mais uma vez, a sua total disponibilidade para desenvolver um trabalho de colaboração próximo com o Ministério da Agricultura na procura das melhores soluções para o sector agrícola nacional”.

“Num contexto em que o combate às alterações climáticas é urgente, a agricultura assume um papel preponderante na agenda da descarbonização, pelo que o diálogo institucional entre agricultores e decisores é determinante na defesa de um sector mais inovador, amigo do ambiente e sustentável”, conclui o referido comunicado.

Recomendadas

Confederações agrícolas unem-se contra extinção das direções regionais do sector

Em comunicado conjunto enviado esta quarta-feira às redações, AJAP, CAP, CNA e Confagri referem que o entendimento “unânime” é de que a decisão é “altamente lesiva” para o sector agrícola. No documento, apela-se a que o Governo volte atrás na decisão, de forma imediata e inequívoca.

“Apoio ao rendimento dependerá de produção sustentável”, diz ministra da Agricultura

A ministra da Agricultura e da Alimentação considera que a reforma da Política Agrícola Comum vai valorizar a pequena e média agricultura, de proximidade e circuitos curtos, apostando em simultâneo no reforço da competitividade.

Escola Agrária de Elvas ensina agricultura sustentável há 22 anos

Muito antes das orientações estratégicas da ONU ou de Bruxelas, já o Politécnico de Portalegre, oferecia um mestrado em agricultura sustentável. O tema, um dos grandes desafios da humanidade, impulsiona ofertas no ISA e no IPLeiria.
Comentários