Carlos Moedas serve mais um jantar à direita ibérica na Câmara

Carlos Moedas recebeu os “jotas” do PSD e do PP espanhol para um jantar servido na sala de arquivo da CML. Os custos foram assumidos pela autarquia, apurou o semanário Novo.

Cristina Bernardo

A polémica em torno dos jantares organizados pela Câmara Municipal de Lisboa para entidades e personalidades da direita ibérica tem novos desenvolvimentos.

Além do jantar de Isabel Díaz Ayuso, Carlos Moedas também recebeu a Juventude Social Democrata (JSD) e a homóloga espanhola, a Nuevas Generaciones (NNGG), ligada ao Partido Popular, para um jantar realizado na sala de arquivo da CML e, apurou o semanário Novo, os custos foram assumidos pela autarquia lisboeta.

As duas juventudes irmãs da Península Ibérica estiveram reunidas em Lisboa, de 28 a 30 de Outubro, no âmbito da I Cimeira Ibérica da Juventude, e a ordem de trabalhos previa, para o primeiro dia, um jantar com o presidente da Câmara Municipal de Lisboa, Carlos Moedas.

Leia o artigo na íntegra na edição do Novo que está desde este sábado nas bancas.

Recomendadas

Trabalhadores dos impostos criticam Autoridade da Concorrência

O Sindicato dos Trabalhadores dos Impostos (STI) partilhou o alerta deixado pela Odem dos Contabilistas sobre os problemas no Portal da Autoridade Tributária e Aduaneira (AT), apontando o seu mau funcionamento.

Ministro da Saúde diz que o SNS registou em 2022 a maior atividade assistencial da sua história

O ministro da Saúde afirmou que o Serviço Nacional de Saúde (SNS) desenvolveu em 2022 a “maior atividade assistencial da sua história, com os hospitais públicos a baterem o recorde de consultas médicas e cirurgias.

PSD quer SNS financiado em função dos resultados

O grupo parlamentar do PSD propôs que o financiamento do Serviço Nacional de Saúde e a valorização de todos os seus profissionais passe a ser feita com base nos resultados que beneficiam os utentes.
Comentários