Celebração de contratos de empreitadas de obras públicas recua 24% em 2022

Os concursos de obras públicas promovidos no ano passado tiveram uma quebra de 3% face a 2021, com o montante a variar de 3.783 milhões para 3.657,6 milhões de euros, segundo a Associação dos Industriais da Construção Civil e Obras Públicas. 

Os concursos de obras públicas promovidos no ano passado tiveram uma quebra de 3% face a 2021, com o montante a variar de 3.783 milhões para 3.657,6 milhões de euros, segundo a Associação dos Industriais da Construção Civil e Obras Públicas.

Em causa estão 3.825 concursos de empreitadas, refere a entidade numa nota enviada esta quarta-feira à comunicação social.

No que diz respeito à celebração de contratos de empreitadas de obras públicas – registados no Portal Base -, a associação aponta para um total de 2.479 milhões de euros no ano passado, uma queda de 34% em termos homólogos, face aos 3.766 milhões de euros de 2021, o que corresponde a uma quebra de 1.286 milhões de euros no volume de contratação pública.

“Os contratos de empreitadas celebrados no âmbito de concursos públicos em 2022 fixaram-se nos 1.915 milhões de euros, menos 32%(2) em termos homólogos”, é revelado no mesmo comunicado.

Segundo a mesma associação, os contratos celebrados nas modalidades de Ajustes Diretos e Consultas Prévias totalizaram 437 milhões de euros em 2022, menos 29%(2) em termos homólogos.

Recomendadas

Governo confiante na execução plena do PRR, garante Mariana Vieira da Silva

A ministra da Presidência reconheceu a necessidade de agilizar processos, reforçando que essa é uma das linhas de ação do Governo no dia em que Portugal recebeu mais uma tranche de 1.800 milhões de euros do PRR vindos de Bruxelas.

Governador da Fed avisa que taxas de juro poderão continuar a subir

O governador da Reserva Federal norte-americana, Christopher Waller, disse esta quarta-feira que a inflação ainda não está contida e deu um sinal aos mercados: as taxa de juro vão continuar a subir, provavelmente acima das projeções dos analistas.

Preços do GPL engarrafado em janeiro entre 8% e 10% superiores à estimativa da ERSE

Os preços do GPL engarrafado anunciados pelos operadores em janeiro foram entre 8% e 10% superiores à estimativa da Entidade Reguladora dos Serviços Energéticos (ERSE), segundo o Relatório Mensal de Supervisão dos Preços do GPL engarrafado, hoje divulgado.
Comentários