PremiumChatGPT. A nova galinha dos ovos de ouro que arrecadou 10 mil milhões da Microsoft

O eloquente e caricato ‘bot’ convenceu a Microsoft a investir cerca de 10 mil milhões de dólares na OpenAI, que já projeta receitas de mil milhões no próximo ano. Ainda assim, a tecnologia tem arestas por limar e não é claro para o que poderá ser utilizada.

Questionado pelo Jornal Económico sobre quanto vale a OpenAI, a empresa por detrás do ChatGPT, o engenhoso bot é rápido a responder: “Provavelmente, a valorização está na casa das centenas de milhões de dólares, se não mais”, lê-se no ecrã. E não está errado, já que a Microsoft é a mais recente a furar uma fila indiana de investidores ansiosos por aquecer as mãos na fogueira mais concorrida de Silicon Valley, com uma entrada de nem mais nem menos do que 10 mil milhões de dólares. Mas a gigante tecnológica parece convencida de que a startup que criou o chatbot mais caricato e curioso do momento vale muito, muito mais.

A empresa nos bastidores de tudo isto – a OpenAI – já antes tinha dado a experimentar ao público alguns modelos de Inteligência Artificial (IA) impressionantes e fascinantes, mas sempre em fase de testes e em ambiente controlado. Resta saber se fora do galinheiro a galinha continua a pôr ovos de ouro.

Conteúdo reservado a assinantes. Para ler a versão completa, aceda aqui ao JE Leitor

Relacionadas

ChatGPT: um chatbot de inteligência artificial

O ChatGPT é um chatbot que responde a qualquer pedido: responde a perguntas, escreve textos elaborados, poesia e até código de programação.

The Big Ones: Microsoft planeia investir 10 mil milhões de dólares na OpenAI

The Big Ones destaca semanalmente as inovações e movimentos estratégicos das empresas que lideram a nova economia.
Recomendadas

TAP: PS esclarece que viabilizará proposta de inquérito do BE com abstenção

O Grupo Parlamentar do PS esclareceu que viabilizará a proposta de inquérito parlamentar do Bloco sobre a TAP através da abstenção, corrigindo a posição assumida pelo deputado Carlos Pereira.

EDP já instalou mais de 700 mil painéis solares nas casas de famílias na Ibéria

A EDP explica que “estas famílias conseguem uma poupança média de até 30% ou mesmo 70% quando agregado a uma bateria de armazenamento. A produção de energia gerada nestas instalações seria suficiente para abastecer com energia renovável 500 mil pessoas por mês, o equivalente a fornecer apenas com energia solar toda a população de Lisboa”.
litio

Lítio: Comissão de Avaliação dá parecer favorável à mina em Montalegre

A Lusorecursos Portugal Lithium confirmou um parecer favorável por parte da Comissão de Avaliação da Mina do Romano, que dá luz verde à exploração mista de lítio (céu aberto e subterrânea) em Montalegre.
Comentários