Ciberataque à TAP: piratas informáticos publicam dados de 1,5 milhões de clientes

Além da divulgação dos dados, os Ragnar Locker garantem continuar a ter acesso aos sistemas informáticos da transportadora, segundo o “Expresso”.

O grupo de cibercriminosos Ragnar Locker publicou esta segunda-feira 581 gigabytes (GB) de dados que afirma serem de 1,5 milhões de clientes da TAP, avançou o “Expresso”.

De recordar que o mesmo grupo, no final de agosto, reivindicou um ataque informático à companhia aérea nacional. Além da divulgação dos dados, os Ragnar Locker garantem continuar a ter acesso aos sistemas informáticos da transportadora.

“A coisa mais interessante, é que eles [a TAP] ainda não resolveram as vulnerabilidades na própria rede e este tipo de incidentes pode acontecer outra vez. Por sinal, se alguém precisar de um acesso remoto à TAP Air [sic], avisem-nos”, lê-se na mensagem que os Ragnar Locker publicaram na Dark Web que o Expresso revelou.

 

Recomendadas

Mobilidade Sustentável: conheça a aposta da Schindler

Com a missão de ser cada vez mais sustentável, a Schindler estabeleceu para o ano de 2030 uma redução de 50% nas emissões de gases com efeito de estufa das suas atividades, com base nos dados de 2020.

Receitas das estações de serviço na Ibéria cresceram 29% em 2021 devido à subida dos preços

De acordo com a análise que a Informa D&B realizou a este setor, em 2021 o mercado ibérico registou um aumento significativo de 10,6% face a 2020 no volume das vendas de gasolina e gasóleo, que corresponde a 38,30 milhões de toneladas de combustível.

Dona da Betano celebra primeiro ano da TechHub de Lisboa com reforço das equipas

O Tech Hub da Kaizen Gaming em Lisboa já emprega trinta pessoas e o objetivo passa por continuar a crescer no mercado português. Nesse sentido, serão abertas vagas para diversas funções.
Comentários