Comissão considera ser mais “realista” que Governo português

As previsões económicas da Comissão Europeia para Portugal são menos otimistas que as do Governo porque Bruxelas é mais “realista” relativamente ao impacto de medidas como o combate à fraude fiscal, disse hoje o novo comissário dos Assuntos Económicos. Na conferência de imprensa de apresentação das previsões económicas de outono, hoje divulgadas em Bruxelas pelo […]

As previsões económicas da Comissão Europeia para Portugal são menos otimistas que as do Governo porque Bruxelas é mais “realista” relativamente ao impacto de medidas como o combate à fraude fiscal, disse hoje o novo comissário dos Assuntos Económicos.

Na conferência de imprensa de apresentação das previsões económicas de outono, hoje divulgadas em Bruxelas pelo “novo” executivo comunitário liderado por Jean-Claude Juncker, o comissário Pierre Moscovici, questionado sobre as projeções para Portugal, admite que “é verdade que o défice (para 2015) previsto pela Comissão é mais elevado, e de maneira bastante significativa, do que aquele apresentado pelas autoridades portuguesas”, já que “excede em 0,6 pontos a projeção do Governo”.

Segundo o novo comissário dos Assuntos Económicos, a projeção mais pessimista de Bruxelas deve-se ao facto de a previsão de défice para 2014 (4,9%) já ser pior que a das autoridades nacionais, e às expetativas da Comissão quanto ao impacto de “um certo número de medidas de redução do défice que foram anunciadas” pelo Governo.

“Na realidade, a maior diferença (entre as projeções da Comissão e do Governo) deve-se a uma abordagem menos otimista e, quanto a nós, mais realista, do impacto sobre o défice da retoma económica, e também talvez uma visão menos otimista sobre as medidas tomadas contra a fraude fiscal”, declara.

Questionado sobre se a Comissão perdeu a confiança em Portugal desde a saída da troika e se irá pedir novas medidas orçamentais ao Governo português, Moscovici, antigo ministro das Finanças francês, limita-se a dizer que “hoje é tempo de previsões, não de recomendações”.

A Comissão deverá emitir, até final de novembro, o seu parecer sobre a proposta de Orçamento de Estado para 2015 apresentada pelo Governo a 15 de outubro passado.

OJE/Lusa

Recomendadas

Cheque-família começa a ser pago a partir de 20 de outubro, anuncia Marques Mendes

No seu espaço habitual de comentário ao domingo no Jornal da Noite da Sic, Marques Mendes assegurou que este apoio, anunciado pelo Governo a 5 de setembro, vai começar a chegar às contas bancárias das famílias a partir do dia 20 do próximo mês.

Comissão Europeia diz que Portugal é “moderadamente inovador”

O país encontra-se no grupo dos países moderadamente inovadores, passando da 19ª para a 17ª posição entre os 27 Estados-Membros, segundo os dados da Comissão Europeia tornados públicos pela ANI (Agência Nacional de Inovação).

Emirados Árabes Unidos vão fornecer à Alemanha gás liquefeito e gasóleo em 2022 e 2023

Segundo a agência noticiosa oficial dos Emirados, Wam, o acordo prevê a exportação de uma carga de gás natural liquefeito (GNL) para a Alemanha no final de 2022, seguida do fornecimento de quantidades adicionais em 2023.