Costa afasta alianças à direita e quer partidos à esquerda na “solução”

O secretário-geral do PS afirma que os socialistas não vão “ajudar” os partidos à sua esquerda a manterem-se no “protesto”, mas chamá-los para “a solução”, recusando totalmente um entendimento à direita, quaisquer que sejam os protagonistas. “Não contarão com o PS para vos ajudar a manterem-se na posição comoda de ficarem só pelo protesto e […]

O secretário-geral do PS afirma que os socialistas não vão “ajudar” os partidos à sua esquerda a manterem-se no “protesto”, mas chamá-los para “a solução”, recusando totalmente um entendimento à direita, quaisquer que sejam os protagonistas.

“Não contarão com o PS para vos ajudar a manterem-se na posição comoda de ficarem só pelo protesto e não virem também trabalhar para a solução”, afirma, referindo-se a PCP e BE, tendo também recusado que o “arco da governabilidade” se cinja aos partidos que já têm representação parlamentar, nomeando o LIVRE, enquanto agente que quer romper o “mito da incomunicabilidade da esquerda”.

No encerramento do XX Congresso do PS, António Costa, que reiterou o desejo por uma maioria absoluta, sublinhou que “não é possível ser alternativa às atuais políticas com quem quer precisamente prosseguir as atuais políticas” e frisou que essa recusa “não é um problema de nomes” dos protagonistas, mas “um problema de políticas”.

OJE/Lusa

Recomendadas

MAI diz que bombeiros vão cumprir apesar de discordarem de nova estrutura da proteção civil

Na reunião extraordinária do conselho nacional da LBP, foi aprovada a criação de zonas e sectores operacionais de bombeiros, prevendo-se que as federações, no prazo de 15 dias, apresentem ao conselho executivo da Liga uma proposta de metodologia de organização das zonas e dos sectores operacionais.

Vitor Ramalho confessa ter deixado o PS em 2012 em rutura com António Seguro

O ex-dirigente socialista lembra que a disponibilidade manifestada por António Costa para se candidatar a secretário-geral do PS só aconteceu depois, em 2014, após as eleições para o Parlamento Europeu.

Aeroporto: Jerónimo de Sousa acusa PS e PSD de adiarem decisão de localização

“PS e PSD estão a tentar entender-se para um novo adiamento da construção do novo aeroporto”, afirmou Jerónimo de Sousa aos jornalistas, à margem de uma visita a uma exploração agrícola na Lourinhã, no distrito de Lisboa.